PUBLICIDADE
Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Morre torcedor corintiano que ganhou rampa após vaquinha e ajuda de Carille

Alan Pereira foi carregado por torcedores do Corinthians na Arena em abril passado - Acervo pessoal
Alan Pereira foi carregado por torcedores do Corinthians na Arena em abril passado Imagem: Acervo pessoal

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

29/10/2019 18h02

Alan Pereira, torcedor do Corinthians que ganhou uma rampa de acesso em maio passado após uma vaquinha virtual que contou até com a ajuda do técnico Fábio Carille, morreu na noite de ontem (28), em São Paulo.

Ele estava internado desde a última sexta-feira (25) no Hospital Planalto, em Itaquera, e não resistiu a uma infecção generalizada causada por uma úlcera de pressão. As informações foram confirmadas à reportagem do UOL Esporte pela irmã de Alan, Érica Pereira, por telefone.

Torcedor fanático do clube paulista, Alan tinha 27 anos e era cadeirante desde 2010. Ele ficou conhecido ao ser erguido por amigos no setor norte da Arena Corinthians nos minutos finais de um jogo contra o Ceará, no começo de abril.

Alan virou cadeirante depois de sofrer um acidente de moto na Via Dutra, ao lado de um amigo - ele estava na garupa quando aconteceu a fatalidade. Alan chegou a ficar em coma por 15 dias, mas conseguiu se recuperar.

Antes da abertura da Arena Corinthians, Alan já frequentava o Pacaembu - Acervo pessoal
Antes da abertura da Arena Corinthians, Alan já frequentava o Pacaembu
Imagem: Acervo pessoal

Durante uma entrevista concedida ao UOL Esporte, em abril, ele relatou dificuldades de acesso em sua própria residência, na Vila Matilde, zona leste de São Paulo. A casa tinha uma série de 12 degraus. Por isso, Alan tinha de ser carregado para conseguir chegar à rua.

Após a publicação da reportagem, foi iniciada uma campanha nas redes sociais para obter o dinheiro necessário para a construção da rampa. No total, foram arrecadados R$ 5,5 mil. A rampa, então, foi feita - além disso, foi possível comprar uma cadeira de rodas novas para Alan.

A campanha iniciada no dia 11 de abril contou com o apoio de torcedores de outras equipes e também com a contribuição do técnico Fábio Carille, que soube da ação durante a semana e entrou em contato para saber quanto faltava para atingir a meta. A vaquinha foi fechada com cerca de 80% do objetivo. Carille, então, completou a parte que faltava e ajudou a alcançar o valor total proposto na campanha.

O velório de Alan será no Cemitério da Vila Formosa, a partir das 20h30 de hoje. O enterro vai acontecer no mesmo local, amanhã, às 8h30.

Corinthians