Topo

UOL Esporte vê TV


Liverpool assusta menos que Real Madrid de 2017, diz presidente do Grêmio

O Grêmio enfrentou o Real Madrid de Cristiano Ronaldo na final do Mundial de Clubes em 2017 - REUTERS/Amr Abdallah Dalsh
O Grêmio enfrentou o Real Madrid de Cristiano Ronaldo na final do Mundial de Clubes em 2017 Imagem: REUTERS/Amr Abdallah Dalsh

Colaboração para o UOL, em São Paulo

06/09/2019 09h15

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Júnior, foi o convidado da noite de ontem do programa "Debate Final", no Fox Sports. O mandatário do clube gaúcho falou, entre outros assuntos, sobre a possibilidade de o clube disputar a final do Mundial de Clubes contra o Liverpool, que, em sua opinião é mais "acessível" que o Real Madrid de 2017.

Na opinião de Bolzan, o Grêmio fez um bom papel diante dos merengues na final do mundial de 2017, quando acabaram derrotados por 1 a 0. "Nós perdemos apenas de 1 a 0 para o Real Madrid em 2017. Poderíamos muito bem ter levado o jogo para os pênaltis, e aí, tudo poderia acontecer. Assim como levamos para os pênaltis em 1995, contra o Ajax, e perdemos, e como ganhamos do Hamburgo em 1983, na prorrogação", disse.

O mandatário entende que o Liverpool de 2019 assusta menos que o Real Madrid de 2017, e acredita que todos os semifinalistas da Libertadores tem condições de vencer a equipe inglesa.

"Os favoritos tendem a ser os times europeus, sempre. Tenho certeza de que o Liverpool assusta menos que o Real Madrid que nós enfrentamos. O Liverpool é um time que pode ser batido. Por nós, pelo Flamengo, pelo Boca, pelo River. O Real Madrid era um time galáctico, mais cheio de estrelas", afirmou.

UOL Esporte vê TV