Topo

Futebol


Grêmio: presidente exalta Renato e diz que ele renova para 2020 se quiser

O presidente do Grêmio Romildo Bolzan  - Reprodução
O presidente do Grêmio Romildo Bolzan Imagem: Reprodução

Colaboração para o UOL

05/09/2019 23h52

O presidente do Grêmio Romildo Bolzan foi o convidado de hoje do "Debate Final". O mandatário gremista falou sobre a chegada de Renato Gaúcho em 2016, a expectativa do clube na ocasião, e como o treinador vem superando-as desde então.

Bolzan falou sobre a homenagem que o clube fez a Renato Gaúcho, com uma estátua nos arredores da Arena do Grêmio. O presidente do time gaúcho exaltou o treinador, mas também afirmou que quis fazer um tributo à pessoa do técnico, a quem caracterizou como leal e ótimo de trabalhar.

Segundo Romildo, o Grêmio já conta com Renato Gaúcho para a próxima temporada, e estaria pronto para renovar o contrato do treinador, que vai até o fim desta temporada.

"O Grêmio não homenageou apenas o Renato jogador / treinador. Mas é uma homenagem a uma grande figura humana. De uma lealdade, de uma hierarquia impressionante. Ele faz o que tem que fazer porque se acha responsável. É o melhor técnico que poderíamos ter. Se o Renato quiser ficar em 2020, já assinamos o contrato, acertamos os salários. Só depende dele. Da nossa parte, nós continuamos", afirmou.

O mandatário gremista afirmou que Renato Gaúcho foi chamado ao clube em 2016 para mudar o ambiente e recuperar a equipe em alguns torneios, e explicou como ele desenvolveu o trabalho acima das expectativas nos anos seguintes.

"Quando ele foi contratado, precisávamos nos recuperar em alguns campeonatos. Ele chegou e passou pelo Athletico nos pênaltis e seu primeiro jogo e já fomos campeões da Copa do Brasil. No tempo em que ele ficou parado, ele assistia partidas de Série A, Série B, Série C. [...] Depois de um primeiro período de trabalho em que precisávamos mudar o ambiente, ele venceu a Copa do Brasil. Depois, o trabalho virou mais científico. O pessoal pensa que não, mas é ele quem pede o que se faz nos treinamentos", completou.

Mais Futebol