PUBLICIDADE
Topo

Vice do Fla vê Cuéllar como página virada e quer ter Gabigol em definitivo

Léo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

01/09/2019 20h37

Após a vitória por 3 a 0 sobre o Palmeiras, Marcos Braz, vice-presidente de futebol do Flamengo, atualizou os movimentos de mercado que o Rubro-negro têm em mente.

Sobre Cuéllar, que deixou o clube nesta semana, o dirigente foi taxativo e tratou o colombiano como página virada. Ele vê uma reposição como missão complicada no momento.

"O Flamengo desde o começo do ano está atento ao mercado para fazer as melhores aquisições. Com as janelas fechadas, isso se dimunui muito. Mas Jorge Jesus não tem do que reclamar. Sobre o Cuéllar, o jogador queria ir embora, temos que minimizar isso", disse.

Braz, mais uma vez, reafirmou o desejo em comprar Gabigol em definitivo. Ele pediu calma e disse que há tempo para que a questão seja negociada com a Inter de Milão, dona dos direitos do jogador:

"Fla tem contrato com ele até 31 de dezembro. Até lá, com certeza a gente vai finalizar a tentativa de compra. Nunca deixamos de trabalhar. Tem muito tempo para fazer isso, não há desleixo com a situação, mas não podemos nos afobar".

Na liderança do Brasileiro, o Flamengo tem uma semana livre de treinos até encarar no sábado o Avaí, 17h, no Mané Garrincha, em Brasília.

Flamengo