Topo

Nenê exalta Diniz após empate do Flu na Sul-Americana: "É nossa essência"

Nenê foi um dos destaques do Fluminense no empate com o Corinthians - Lucas Merçon/Fluminense FC
Nenê foi um dos destaques do Fluminense no empate com o Corinthians Imagem: Lucas Merçon/Fluminense FC

Do UOL, no Rio de Janeiro

22/08/2019 23h59

O Fluminense arrancou um empate sem gols contra o Corinthians em São Paulo e depende só de si para avançar nas quartas de final da Copa Sul-Americana. Fugindo um pouco de sua característica, a equipe tricolor se preocupou mais com a defesa e atuou mais compacta em seu campo. Uma das novidades na escalação do auxiliar Marcão, o meia Nenê lembrou que o estilo de jogo da equipe segue com a "cara" do ex-técnico Fernando Diniz.

"É um trabalho que deixa muita coisa positiva. Quando a gente tem a bola, esse jogo pro adversário é muito difícil. É um estilo de jogo que não vamos perder, é a nossa essência. Somos mais fortes assim. Vamos tentar dar continuidade a isso até o final do ano", declarou Nenê.

Nenê admitiu ainda a tristeza do grupo com a saída do treinador, demitido na segunda-feira. Mas para o meia de 38 anos, isso faz parte do futebol e o novo técnico, Oswaldo de Oliveira, chega para ajudar a equipe, em situação difícil no Campeonato Brasileiro, no 18º lugar com apenas 12 pontos em 15 rodadas.

"Foi complicado. A gente sabe que é difícil o mundo do futebol. É uma pena. Os resultados não estavam vindo. O Diniz é um grande cara, uma ótima pessoa, e um excelente treinador. Eu cheguei tem pouco tempo mas sabia da importância dele. Tenho certeza que ele estará torcendo pela gente. Mas o Oswaldo veio com muita vontade de tirar a gente dessa situação difícil no Brasileiro e também já nos ajudou na preparação para este jogo. Nessa semana estaremos focados na Copa Sul-Americana, vamos lutar pela classificação na nossa casa", declarou.

O experiente jogador enalteceu o resultado conquistado pelo Flu na Arena Corinthians. Para ele, ficou um "gostinho de quero mais" pela equipe não ter balançado as redes, mas ainda assim, o saldo é positivo para o jogo da volta, na próxima quinta-feira, às 21h30, no Maracanã.

"A gente sabia da dificuldade. O time deles aqui é muito forte, a torcida empurra, o gramado é rápido. Sem dúvidas é um resultado positivo. Claro que a gente queria fazer um gol e ficar em vantagem, mas o time esteve focado, não tomou gol que era o mais importante e agora a decisão será na nossa casa, onde somos fortes como eles", disse Nenê.