Topo

Botafogo rescinde com Biro Biro; atacante ainda não terminou exames

Atacante Biro Biro está afastado desde o mês passado, quando passou mal durante um treino e desmaiou - Divulgação / Bloom Soccer
Atacante Biro Biro está afastado desde o mês passado, quando passou mal durante um treino e desmaiou Imagem: Divulgação / Bloom Soccer

Alexandre Araújo e Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

22/08/2019 11h30

O Botafogo protocolou, ontem (21), a rescisão de contrato do atacante Biro Biro, que recentemente teve um problema cardíaco. O jogador vai continuar o tratamento no Nova Iguaçu, clube onde começou, e, futuramente, em caso de retorno aos gramados, o Alvinegro tem prioridade para a assinatura de um novo vínculo.

A quebra do vínculo - que iria até 30/06/2020 - foi feita em comum acordo entre as partes e acontece depois de um prazo estipulado pelo Alvinegro para a recuperação não ter sido cumprido.

A informação sobre a rescisão foi publicada, primeiramente, pelo jornalista Matheus Mandy e, posteriormente, confirmada pelo UOL Esporte.

Biro Biro permanece em tratamento e ainda aguarda o resultado de alguns exames para dar continuidade à recuperação - no início do mês, um estudo não apontou arritmia. O atacante passou mal durante um treinamento no dia 16 do mês passado e, desde então, está afastado.

O jogador, quando atuou Shanghai Shenxin, da China, entre 2016 e 2018, já havia apresentado um problema cardíaco e foi submetido a um procedimento cirúrgico (ablação). Posteriormente, obteve um laudo médico que o liberava para jogar futebol, documento este que foi apresentado nos períodos em que foi contratado por São Paulo e Botafogo, seus clubes mais recentes.

Biro Biro despede-se do Botafogo sem ter entrado em campo - ele chegou a General Severiano em julho. Nesta temporada, ele atuou em apenas duas partidas, pelo São Paulo, contra Ponte Preta e Red Bull Brasil, pelo Campeonato Paulista.