Topo

Edilson liga e Nico aceita desculpas após agressão em Inter x Cruzeiro

Nico Lopez se revolta com Edilson em jogo entre Inter e Cruzeiro - Pedro H. Tesch/AGIF
Nico Lopez se revolta com Edilson em jogo entre Inter e Cruzeiro Imagem: Pedro H. Tesch/AGIF

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

13/05/2019 14h40

A confusão gerada pela agressão de Edilson a Nico López no fim da partida entre Inter e Cruzeiro, domingo, pautou os vestiários de ambos os times. E Rafael Sobis, ex-colega do lateral direito da equipe mineira, avisou que ele havia pedido o telefone do uruguaio para ligar e se desculpar. O contato aconteceu ontem à noite e tudo foi resolvido.

Sobis foi o responsável por intermediar as desculpas do ex-gremista. Edilson ligou para Nico horas mais tarde e o bate-papo aparou qualquer aresta do que houve dentro de campo.

A cena foi forte no gramado. Numa disputa de bola quando a partida já estava definida (o Inter tinha dois de vantagem, nos acréscimos do segundo tempo), o lateral acertou com o braço a boca de Nico, que caiu no chão com o lábio superior sangrando.

Edilson levou o vermelho direto. Irritado, o uruguaio queria partir para briga, mas foi contido por companheiros e membros da comissão técnica do Inter.

Depois do jogo, Rafael Sobis comentou o caso. "O que eu vou falar, né? Foi uma agressão, tem vídeo rodando na internet mostrando o braço do Edilson sangrando depois de acertar a boca do Nico. Quem sou eu para julgar? Não foi uma atitude legal, mas conheço bem ele. É um cara legal", contemporizou. "Ele já pediu o número do Nico para pedir desculpas, mas tem coisas que não dá para desculpar. Não digo que foi covarde, mas tem coisas que não precisam acontecer", completou.

A ligação, segundo apurou o UOL Esporte, apagou qualquer ressentimento pelo ocorrido. Os jogadores do Internacional se reapresentam nesta terça-feira e na próxima rodada encaram o CSA.

Siga o UOL Esporte no