Topo

Futebol


Sequência rara do Cruzeiro passa por rival que interrompeu última série

VIPCOMM
Imagem: VIPCOMM

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

17/04/2019 04h00

Dependendo de apenas um empate para levantar o título mineiro pela 40ª vez, o Cruzeiro pode fazer ainda mais história neste sábado. Atualmente com 11 vitórias seguidas, o time está perto de alcançar uma sequência rara e uma das maiores em seus quase 100 anos. Por outro lado, para alcançá-la, terá que superar o maior rival Atlético-MG no Independência, cenário idêntico de quando teve sua última série interrompida.

A atual séria de vitórias do Cruzeiro começou há pouco mais de um mês. Após o triunfo contra o Huracán, na estreia da Libertadores, o clube engatou outras dez partidas com o resultado positivo. Se vencer o Atlético neste final de semana, a equipe vai igualar a marca do time tricampeão brasileiro de 2013, com Marcelo Oliveira. Antes disso, o time da tríplice coroa havia sido o último a alcançar tal desempenho.

Apesar do retrospecto positivo, da vantagem e do favoritismo na decisão, o alerta segue ligado no Cruzeiro. Assim como aconteceu no jogo da ida, a partida da volta também é tratada com muita cautela pelos jogadores e por Mano Menezes. Até porque foi assim que a equipe caiu em 2013, contra o maior rival, jogando no Independência. Naquela ocasião, o Cruzeiro venceu as 12 partidas anteriores, mas foi derrotado por 3 a 0 e praticamente deu fim às chances de título.

Se vencer o Atlético no sábado e ficar com o bicampeonato mineiro, o Cruzeiro ainda estará a quatro jogos de igualar sua melhor marca na história. Entre 1965 e 1966, o time que chegaria a ser campeão da Taça Brasil venceu 16 jogos seguidos. A segunda melhor sequência também é de 1966, com 15 triunfos consecutivos.

Maiores sequências de vitória do Cruzeiro:

16 vitórias (entre 1965 e 1966)
15 vitórias (1966)
14 vitórias (entre 2002 e 2003)
12 vitórias (1992 e 2013)
11 vitórias (2019)
11 vitórias (2011)
11 vitórias (1985)

Mais Futebol