PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Inter pediu Elias por fatia de Réver, mas Galo ainda quer Pottker ou Zeca

Elias, meio-campista do Atlético-MG, faz pose após entrevista ao UOL Esporte - Bruno Cantini/Atlético-MG/Divulgação
Elias, meio-campista do Atlético-MG, faz pose após entrevista ao UOL Esporte Imagem: Bruno Cantini/Atlético-MG/Divulgação

Jeremias Wernek e Thiago Fernandes

Do UOL, em Porto Alegre e Belo Horizonte

19/12/2018 04h00

O Internacional tenta se acertar com o Atlético-MG para contar com Elias em 2019. Após fazer uma consulta, o Colorado propôs ceder todo o percentual que tem de Réver em troca da liberação do meio-campista. O Galo, no entanto, deseja a inclusão de um jogador no negócio. Zeca e William Pottker foram pedidos.

Ao consultar a cúpula alvinegra para contar com o volante de 33 anos, o Inter tentou um acordo só pela liberação de Réver, que assinará por três temporadas na Cidade do Galo. Os mineiros precisavam do aval dos gaúchos para ter o zagueiro que pertence ao Flamengo. A oferta foi parcialmente aceita. 

Além da fatia do defensor, o diretor de futebol Marques pediu a liberação de jogadores, mesmo que por empréstimo, na troca por Elias. O lateral Zeca e o atacante William Pottker foram solicitados ao executivo Rodrigo Caetano.

Os atleticanos ainda não obtiveram uma resposta, e aguardam a diretoria do Inter para avançar no negócio. Sem dinheiro em caixa, o clube mineiro tem utilizado uma política de trocas no mercado da bola e vê Elias como um nome valorizado neste tipo de negócio.

Sérgio Sette Câmara, presidente do Galo, disse há uma semana em entrevista à rádio "98 FM" que há a possibilidade de saída de Elias.

"O Elias é um jogador de jogos grandes, de time grande, mas é um jogador que tem tudo isso, mas ao mesmo tempo é cobiçado por outros clubes. Se aparecer uma oportunidade para fazer qualquer tipo de negociação, que seja bom para o Atlético-MG, para ele e para o outro clube, nós vamos fazer", disse.

"A situação do contrato dele não foi tratada agora pelo momento que estávamos vivendo, mas vamos sentar e conversar calmamente agora no começo do ano", acrescentou, dizendo que estuda uma possível renovação contratual do jogador.

Futebol