PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Qatar revela design de estádio de R$ 3 bilhões que sediará final da Copa

Do UOL, em São Paulo

16/12/2018 13h54

Oito anos após a apresentação de um projeto ousado para construção de um estádio e uma cidade que receberiam a abertura e a final da Copa do Mundo de 2022, o Comitê Organizador do Mundial do Qatar enfim revelou o design da arena na cidade de Lusail, que não existia e está sendo construída ao redor do estádio com capacidade para 80 mil pessoas. Somente o local dos jogos da Copa tem custo estimado de R$ 3 bilhões, enquanto a cidade que promete ser uma das mais inteligentes, sustentáveis e luxuosas do mundo demandará investimento de R$ 175 bilhões.

O design do Estádio Icônico de Lusail foi exibido por meio de um vídeo de 4 minutos, que ressalta valores, imagens e cultura árabe, além de tecnologia, inovação e ousadia na organização da Copa do Mundo. A publicação ainda mostra a cidade e modernos sistemas de transportes e iluminação. "É a mistura do tradicional e moderno da arquitetura islâmica. O exterior do estádio é coberto por placas que permitem que a quantidade máxima de luz solar penetrem no estádio.

Por fim, o vídeo dá um pulo para 2030 e apresenta as funcionalidades futuras do estádio, que não receberá mais esportes e se transformará em um espaço com lojas, restaurantes e escola no ano seguinte ao Mundial - até o destino dos assentos do estádio, que serão doados a projetos esportivos de países carentes, foi revelado. A ideia é evitar um elefante branco, porque o país tem apenas 2,7 milhões de habitantes e pouca demanda esportiva.

A Copa do Mundo do Qatar promete uma série de inovações e curiosidades, a começar pelo fato de ser a primeira que não será disputada durante o verão europeu, e sim entre os dias 21 de novembro e 18 de dezembro de 2022. Internamente também há uma série de desafios a superar, especialmente no campo dos direitos humanos. O primeiro, e mais conhecido, é a denúncia de que operários trabalham nas obras da Copa em regime análogo à escravidão. As mulheres andam com os rostos cobertos. Ser gay lá é crime. Isso sem contar a eleição do país como sede, cercada de denúncias de corrupção que praticamente custaram a cabeça de Joseph Blatter na Fifa.

 O estádio de Lusail estará 24 km distante de Doha - o mais distante da capital do país está a somente 35 km, sendo que quatro dos oito estádios planejados para a Copa estão na própria cidade. Além do estádio que perderá vocação esportiva em 2023, a Copa do Qatar também terá um local com estruturas removíveis, uma espécie de "estádio-Lego". É o Ras Abu Aboud, que terá suas peças doadas a países em desenvolvimento. 

Futebol