PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Arena Corinthians vence estádios de rivais e deve receber Brasil x Paraguai

Ale Cabral/Folhapress
Imagem: Ale Cabral/Folhapress

Dassler Marques, Guilherme Costa e Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em São Paulo e no Rio de Janeiro

28/12/2016 18h33

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) e a Fifa devem confirmar em breve que Brasil x Paraguai, marcado para o dia 28 de março pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, será jogado na Arena Corinthians, em São Paulo. A partida marcará o retorno de Tite, treinador da seleção brasileira, ao estádio em que foi campeão brasileiro de 2015 no comando corintiano.

Outros dois estádios da capital paulista foram avaliados pela CBF: o Allianz Parque, casa do Palmeiras, e o Morumbi, do São Paulo. Quatro fatores em especial, porém, deixaram a Arena Corinthians em vantagem.

Por ter sido palco da última Copa do Mundo, o estádio oferece uma melhor área de estrutura para a Fifa. Em termos de espaços comerciais, como camarotes e áreas de patrocinadores, a Arena localizada em Itaquera também é vista como mais abrangente. Ainda pesou a ligação afetiva do treinador Tite com o estádio como importante na atmosfera da partida, que pode até assegurar matematicamente a vaga no Mundial da Rússia.

O Allianz Parque também foi muito bem avaliado pela organização, mas há uma coincidência de datas que diminuiu as chances do Palmeiras. Na mesma semana de Brasil x Paraguai , o estádio palmeirense receberá shows do cantor Justin Bieber. A partida é no dia 28 de março, já os shows ocorrem nos dias 1 e 2 de abril.

Recentemente, o Corinthians e o fundo que administra a Arena enviaram a Fifa uma proposta com aspectos técnicos e comerciais para receber o jogo. Dirigentes corintianos veem com ansiedade a definição sobre a partida, mas ainda não receberam comunicações oficiais com essa confirmação. Por isso, aguarda a oficialização da escolha.

A seleção ainda fará mais dois jogos em casa na reta final das Eliminatórias, em 2017: em agosto, contra o Equador, e em outubro, contra o Chile. O Rio de Janeiro, com o Maracanã, receberá um dos dois compromissos finais. Brasília e Porto Alegre disputam a última vaga restante.

Futebol