PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Sóbis critica classe e diz que jogador de futebol é mal educado

Sóbis pretende ficar longe do futebol depois que abandonar a carreira de jogador - Anderson Stevens/Photocamera
Sóbis pretende ficar longe do futebol depois que abandonar a carreira de jogador Imagem: Anderson Stevens/Photocamera

Do UOL, em São Paulo

09/06/2015 10h14

Em depoimento fora dos padrões no Bem, Amigos desta segunda, o atacante Rafael Sóbis, que atualmente defende o Tigres, do México, confessou não se sentir bem no meio do futebol, um mundo cujas posturas de companheiros de profissão fora de campo o desagradam bastante. “[Incomoda] mais a educação do jogador. É um negócio difícil, de estar em aeroportos, falam palavrões, furam filas, esse dia a dia, de acharem que porque são jogadores num país que vive o futebol se acham os donos do mundo. É uma coisa que não me sinto bem, não”, desabafou.

“Você vê jogador num avião, três pessoas, uma [fora do futebol] no meio e os jogadores conversando: ‘peguei aquela mulher’. Sabe, isso aí deveriam conversar entre eles. Acham que podem tudo. Eu não falo, fico quieto”, admitiu ele no programa do Sportv, como se sofresse calado com as situações que presencia fora do campo.

Questionado se sentia o mesmo em seus tempos de atleta profissional, o ex-jogador comentarista Caio Ribeiro confessou que sim: “incomodar, incomoda. Eu me policiava e procurava passar bons exemplos para aqueles que conviviam comigo. O Sóbis é um cara diferenciado. Não porque ele está aqui, mas se tiver a oportunidade de conversar com ele, vai ver que realmente tem ideias diferentes”, elogiou.

“Tem muita gente falando besteira, ao grosso da palavra. Imprensa, jogadores, mas o mundo é assim, né? Esse mundo do futebol tem que girar assim e eu tenho que me acomodar no meio”, finalizou o assunto, Sóbis que, perguntado pelo narrador Cleber Machado se depois de parar pretendia ser comentarista, respondeu, com segurança: “não, longe do futebol.”

Futebol