PUBLICIDADE
Topo

Mauro Cezar Pereira

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Em silêncio, Botafogo escala a tabela de classificação da Série B

Chay comemora gol contra o Vasco - Thiago Ribeiro/AGIF
Chay comemora gol contra o Vasco Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF
Mauro Cezar Pereira

Mauro Cezar Pereira nasceu em Niterói (RJ) e é jornalista desde 1983, com passagens por vários veículos, como as Rádios Tupi e Sistema Globo. Escreveu em diários como O Globo, O Dia, Jornal dos Sports, Jornal do Brasil e Valor Econômico; além de Placar e Forbes, entre outras revistas. Na internet, foi editor da TV Terra (portal Terra), Portal AJato e do site do programa Auto Esporte, da TV Globo. Trabalhou nas áreas de economia e automóveis, entre outras, mas foi ao segmento de esportes que dedicou a maior parte da carreira. Lecionou em faculdades de Jornalismo e Rádio e TV. Colunista de O Estado de S. Paulo e da Gazeta do Povo, desde 2004 é comentarista dos canais ESPN.

02/08/2021 09h04

O Botafogo venceu três jogos consecutivos. Poucos além dos botafoguenses parecem ter notado, mas a boa vitória de sábado (2 a 0), sobre o Vasco, colocou a estrela solitária à frente do rival carioca na Série B - os dois times têm o mesmo número de pontos (22), mas os critérios de desempate definem a vantagem, alcançada silenciosamente.

E isso acontece com o comando de Enderson Moreira, um treinador controverso, que não para em clube algum (o atual é seu quinto time do ano passado para cá) faz tempo. E ele foi expulso com um péssimo comportamento em sua estreia, mesmo assim o time reagiu.

Depois do 1 a 0 sobre o Confiança fora de casa, o Botafogo recebeu o CSA e venceu pelo mesmo placar com o qual, novamente em seus domínios, derrotaria o Vasco quatro dias mais tarde. Ou seja, três jogos sem sofrer um gol sequer. Excelente para quem vinha de um 0 a 2 para o Goiás, no Rio!

O próximo compromisso do Botafogo será apenas no domingo, contra a Ponte Preta, que está na fronteira do rebaixamento. A peleja marcará o terceiro compromisso consecutivo no Estádio Nilton Santos, o Engenhão.

Em seguida, um desafio mais complexo, o Operário, que está apenas um ponto atrás da equipe carioca, no interior paranaense. Caso faça pelo menos quatro nesses dois jogos, o Botafogo estará próximo da zona de classificação para a Série A. Quando parecia que o Vasco brigaria pelo acesso, eis o Botafogo!

Siga Mauro Cezar no Twitter

Siga Mauro Cezar no Instagram

Siga Mauro Cezar no Facebook

Inscreva-se no Canal Mauro Cezar no YouTube

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL