PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Aguirre lamenta clássico mineiro em data Fifa: "Merecia times completos"

Diego Aguirre lamenta o clássico mineiro ser esvaziado pela data Fifa - Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro
Diego Aguirre lamenta o clássico mineiro ser esvaziado pela data Fifa Imagem: Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

Do UOL, em Belo Horizonte

21/03/2016 06h00

Certamente o jogo mais esperado no Campeonato Mineiro é o encontro entre Atlético-MG e Cruzeiro. Na edição 2016 um descuido na confecção da tabela colocou o grande clássico de Minas Gerais numa data Fifa. Com duas equipes de ponta no futebol nacional, Atlético e Cruzeiro terão seis desfalques na partida do próximo domingo, no Independência.

O lado alvinegro sofre um pouco mais, pois são quatro convocados. Os equatorianos Erazo e Cazares, além de Douglas Santos e Clayton, que vão jogar pela seleção brasileira sub-23. Já o lado azul perde dois titulares para o clássico. Alisson também vai para a seleção brasileira sub-23, enquanto Arrascaeta está convocado para defender a seleção do Uruguai.

Desfalques que esvaziam o grande confronto do futebol mineiro. Sem criticar ninguém, o técnico do Atlético apenas lamentou a data escolhido para o confronto. “Não posso falar, nem fazer críticas, mas gostaria de ter um clássico com todos os jogadores. Não só por nós (Atlético), mas também para o Cruzeiro e pela torcida. Um jogo dessa importância mercê ter os dois times com o máximo potencial. Gostaria que a data fosse outro, mas agora é tarde. Temos de preparar e pensar que domingo precisamos vencer esse jogo”.

No caso do Atlético, os desfalques vão além dos jogadores convocados. Além dos quatro atletas fora por causa da data Fifa, o clube alvinegro também tem algumas baixas no departamento médico. O goleiro Victor, o lateral direito Patric e o meia Dátolo são alguns exemplos. Além de Giovanni, que se machucou contra o Tupi e pode ser mais um desfalque.

Com a semana cheia, portanto se jogos, Diego Aguirre vai ter um bom tempo para armar e preparar o time que deseja para o clássico. Contra o Tupi ele já fez algumas experiências, como improvisar Carlos César na lateral esquerda.

“Ainda é cedo para definir o time para o clássico com o Cruzeiro. Temos uma semana para trabalhar. Contra o Tupi buscamos algumas opções pensando no jogo de domingo, já tinha falando antes e o time foi bem. Agora, o time contra o Cruzeiro vamos definir somente na quinta ou na sexta. Tivemos a notícia da convocação do Clayton. São variantes de último hora que dificultam”, completou Aguirre.

Futebol