PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Palmeiras tem Mattos liderando trio elétrico e Fla no alvo em festa do deca

Siga o UOL Esporte no

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

26/11/2018 03h51Atualizada em 26/11/2018 13h49

O Palmeiras fez uma festa que entrou pela madrugada desta segunda-feira (26) para celebrar o decacampeonato brasileiro. Milhares compareceram ao CT do Alviverde na zona oeste de São Paulo para celebrar a conquista após a vitória por 1 a 0 em cima do Vasco, em São Januário.

Veja também:

O maestro da festa foi o diretor de futebol, Alexandre Mattos. Ele comandou o evento que provocou absolutamente todos os rivais. O primeiro foi o Flamengo: "cheirinho é meu p..." foi o grito entoado pelo elenco e repetido pela torcida. 

O dirigente aproveitou a situação para chamar todos os atletas, até mesmo os das categorias de base, para celebrar com os torcedores que estavam na frente do CT. 

Luan, zagueiro revelado pelo Vasco, não cansava de pedir a mesma música. "Eu odeio esses caras, vamos cantar?", gritava o zagueiro para o delírio dos presentes. Depois, ainda puxou o coro para xingar Sassá, atacante do Cruzeiro.

Mattos também chamou Lucas Lima, que não teve preocupação nenhuma em embalar o grito que "Santos é o c***, lugar de peixe, é dentro do aquário". Apesar de ter brilhado para o futebol brasileiro na Vila Belmiro, ele não teve vergonha em gritar contra o Peixe.

A torcida ainda provocou o Corinthians e as dificuldades financeiras que o arquirrival atravessa ao gritar "Não é mole não, gambá sem salário e o Palmeiras campeão".

O trio elétrico do Palmeiras, inclusive, recebeu a presença ilustre de Nickolas, o torcedor com deficiência visual que virou uma celebridade após ser filmado torcendo para o Alviverde com o apoio da mãe.

Por fim, Mattos aproveitou a situação para brincar com a renovação de Fernando Prass e Jailson. Os dois têm contrato encerrado em dezembro e esperam a diretoria iniciar as conversas pela renovação. "Será que eu tenho que renovar com ele", brincou Mattos sobre Prass. Ainda no assunto Mercado da Bola, o dirigente puxou a campanha pela permanência de Dudu: "ei, China, vai tomar...".

Depois de ter o deca confirmado, os palmeirenses devem receber folga. Nas redes sociais, alguns jogadores compartilharam momentos da comemoração. Confira:

Esporte