PUBLICIDADE
Topo

Torneio de Wimbledon é cancelado

ANDREW COULDRIDGE
Imagem: ANDREW COULDRIDGE
Alexandre Cossenza

Alexandre Cossenza é bacharel em direito e largou os tribunais para abraçar o jornalismo. Passou por redações grandes, cobre tênis profissionalmente há oito anos e também escreve sobre futebol. Já bateu bola com Nadal e Federer e acredita que é possível apreciar ambos em medidas iguais. Contato: ac@cossenza.org

Colunista do UOL

01/04/2020 12h09

O Torneio de Wimbledon não será realizado em 2020. Em um comunicado publicado nesta quarta-feira, e All England Club e o Comitê de Administração do Torneio anunciaram que o evento está "cancelado por questões de saúde pública ligadas à epidemia de coronavírus. A 134ª edição do torneio será realizada, portanto, de 28 de junho a 11 de julho de 2021."

E não é só isso. Pouco depois, ATP e WTA anunciaram que todos torneios até o dia 12 de julho estão cancelados. O período inclui os ATPs de Stuttgart, 's-Hertogenbosch, Queen's, Halle, Mallorca e Eastbourne, além dos WTAs de Nottingham, s-Hertogenbosch, Berlim, Birmingham, Eastbourne e Bad Homburg - todos na grama.

Roger Federer reagiu com apenas uma palavra: "Devastado".

O único evento na grama com chances de acontecer é o ATP 250 de Newport, nos Estados Unidos, marcado para começar em 13 de julho. O evento tem importância especial no calendário da modalidade porque Newport é a sede do Hall da Fama Internacional do Tênis e é durante o torneio que acontece a cerimônia anual de imortalização de novos integrantes.

Copa do Mundo de Beach Tennis, Davis e Fed Cup também afetados

Cerca de 15 minutos após o anúncio de ATP/WTA, foi a vez de a Federação Internacional de Tênis (ITF) enviar seu próprio comunicado, informando que os torneios do WTT (antigos Futures), com premiação menor, também estão cancelados até 12 de julho.

A ITF também suspendeu o circuito mundial juvenil, seu circuito de tênis em cadeira de rodas, os eventos de beach tennis e de veteranos. Isso inclui a Copa do Mundo de Beach Tennis, que seria em julho, em Moscou.

A paralisação também afeta três eventos regionais da Copa Davis e quatro da Fed Cup que seriam realizados na semana de 8 de junho. Estes confrontos serão remarcados para uma data posterior.

Saque e Voleio