Milton Neves

Milton Neves

Siga nas redes
Só para assinantesAssine UOL
Opinião

Você, palmeirense, está preparado para perder Abel Ferreira?

"Onde há fumaça, há fogo", vive repetindo por aí o sempre original e cabeludíssimo jornalista, cantor e corintiano Mauro Beting.

E como temos visto "fumaça" neste assunto que desespera o torcedor palmeirense: a possível saída de Abel Ferreira para o futebol do Qatar.

Bem, e o torcedor alviverde tem alguns motivos para se preocupar com essa possibilidade de perder um de seus grandes ídolos DA HISTÓRIA!

Primeiro que o Al-Sadd quer fazer de Abel simplesmente o técnico mais bem pago... do MUNDO!

Sim, mais do que Klopp, do que Guardiola, do que Simeone, do que Ancelotti...

Segundo ponto: o time do Qatar nem pretende negociar com o Palmeiras, já que a intenção é pagar a multa do treinador, de aproximadamente 16 milhões de reais.

Ou seja, é pênalti sem goleiro!

Terceiro problema para os alviverdes: Abel, calado, parece ter gostado da proposta.

Pela primeira vez o treinador não tem tranquilizado pessoas próximas após receber uma proposta de fora do Brasil.

Continua após a publicidade

Pelo contrário, está recluso e quieto, o que tem causado enorme apreensão na cúpula palmeirense.

É, minha gente, toda história tem que ter um final.

E, pelo visto, o fim da trajetória de Abel no Palmeiras ao menos será feliz, com o título do Brasileirão.

Mas, e depois que ele for embora, o que será do Verdão?

Viverá como entre os anos de 2015 e 2020, contratando técnicos e jogadores de baciada sem conseguir chegar longe na Libertadores?

Ou o treinador que assumir terá apenas que dar sequência ao bom trabalho de Abel?

Continua após a publicidade

Perguntas que só conseguiremos responder no ano que vem.

O que podemos perguntar agora é o seguinte: você, palmeirense, está preparado para perder Abel Ferreira?

Opine!

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes