PUBLICIDADE
Topo

Renault Zoe 2022 chega com mais autonomia e potência a partir R$ 204.990

José Antonio Leme

do UOL, em São Paulo (SP)

22/04/2021 14h54

À venda no Brasil desde 2013, e para o consumidor final desde 2018, o Renault Zoe 2022 chega ao País em duas versões, Zen e Intense. Importadas, as versões custam R$ 204.990 e R$ 219.990, dependendo do acabamento e nível de equipamentos.

Tecnicamente, as mudanças do Zoe E-Tech permitem que ele tenha maior autonomia. A bateria de íons de lítio de 41 kWh foi substituída por uma nova com 52 kWh. Agora, a autonomia que era de 300 km com uma carga passa a ser de até 385 km no modo ideal.

O tempo de recarga declarado pela Renault é de 1h05 em um ponto de recarga rápida (50 kW) para chegar até 80%. No uso de um ponto de recarga de 22 kW são 2h54 para chegar a 100% e no de 11 kW leva até 5h48. Usando um Wallbox, que seria o carregador para se ter na casa, a carga completa leva 8h33.

Além de melhorar a autonomia, a potência do motor elétrico também subiu. Passou de 92 cv para 135 cv e o torque subiu de 22,9 mkgf para 25 mkgf. O câmbio tem uma marcha à frente e uma à ré. Com esse conjunto, o Zoe E-Tech acelera de 0 a 100 km/h em 9,5 segundos e velocidade máxima de 140 km/h.

Com 4,08 metros de comprimento, 1,94 m de largura e 1,56 m de altura, o Zoe E-Tech tem 2,58 m de entre-eixos. Com foco no uso urbano, ele tem ainda um porta-malas de 388 litros que garante boa capacidade para uso na cidade.

Renault Zoe E-Tech 2022 - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Equipamentos

Desde a versão de entrada Zen há quatro airbags, ar-condicionado digital, farol alto automático, assistente de partida em rampa, câmera de ré, chave presencial com partida por botão, controle de estabilidade e tração e faróis Full-LEDs. Há ainda função Eco e sistema Isofix de fixação de cadeirinhas.

Outros itens que fazem parte do pacote são sensor de pressão nos pneus, painel virtual de 10", central multimídia de 7" com integração a Android Auto e Apple CarPlay, sensores de chuva, luz e de estacionamento na frente e atrás, além de volante com ajuste de altura e profundidade. O carregador que integra o carro é o de até 22 kWh.

A variante de topo Intense inclui alerta de ponto cego, carregador de 50 kWh no pacote do veículo, retrovisor interno eletrocrômico e os externos com ajustes e rebatimento elétrico. O pacote fica completo com rodas de 16" de acabamento diamantado, enquanto na Zen, o acabamento é cromado convencional.

Renault Zoe E-Tech 2022 - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Visual renovado

O Zoe E-Tech chega também um novo visual. O modelo manteve a carroceria que já conhecemos, mas tem alterações nos faróis, mais agressivos, nos para-choques e também nos faróis de neblina, que tem novo formato e moldura. O capô teve os vincos redesenhados.

Na traseira, o visual foi mantido, inclusive no para-choque e na posição de fixação da placa, sendo a única alteração a disposição das luzes de LEDs dentro das lanternas traseiras.

Por dentro é tudo novo. O volante mudou, o painel e o painel de instrumento, o console central e até a alavanca de câmbio. O acabamento também foi alterado e abriu mão do plástico para trazer acabamento de couro com costura contrastante.

Os comandos de ar-condicionado deixaram de ser iguais ao do Sandero, são mais modernos, a central multimídia é vertical e destacada do painel e o freio de estacionamento manual foi substituído por um elétrico.

Zoe E-Tech no programa de assinatura OnDemand

A Renault já havia antecipado que teria um carro elétrico no programa de assinatura de veículos OnDemand que começou a funcionar no Brasil no início do ano com o Kwid, Sandero Stepway e o Duster.

Agora, além dos três, o Zoe entre no pacote à disposição dos clientes. O plano inicial disponível para o Zoe é com contrato de 36 meses com quilometragem permitida de 1.000 km mensais. O valor é de R$ 3.890 por mês.

Renault Zoe E-Tech 2022 - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação