PUBLICIDADE
Topo

Testamos: Chevrolet Equinox 1.5 turbo "sobra" mesmo com motor mais fraco

Versão Midnight (R$ 131.990) é grande novidade da linha 2020 do Equinox - Fábio Gonzalez/Divulgação
Versão Midnight (R$ 131.990) é grande novidade da linha 2020 do Equinox
Imagem: Fábio Gonzalez/Divulgação

Vitor Matsubara

Do UOL, em Indaiatuba (SP)

07/12/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Nova motorização 1.5 turbo de 172 cv é oferecida em todas as versões
  • Equinox Midnight é grande novidade; preço é de R$ 131.990
  • Valores são altos em relação à tabela de preços da linha 2019

Poucos utilitários esportivos justificam tanto o "esportivo" do nome como o Chevrolet Equinox. O motor 2.0 turbo de 262 cv faz dele o SUV ideal para quem precisa de (muito) espaço para levar a família sem abrir mão de desempenho.

Só que nem todo mundo faz questão de esportividade, e para este importante público a Chevrolet traz uma boa novidade na linha 2020 do modelo.

Equinox Midnight 1 - Fábio Gonzalez/Divulgação - Fábio Gonzalez/Divulgação
Detalhes escurecidos e rodas pretas marcam visual do Equinox Midnight
Imagem: Fábio Gonzalez/Divulgação

A nova motorização 1.5 turbo entrega 172 cv e torque máximo de 27,8 kgfm. Ela equipa as três versões de acabamento do Equinox: LT, Midnight (outra importante novidade que falaremos daqui a pouco) e Premier.

A configuração topo de linha, aliás, é a única a vir com as duas motorizações. O câmbio das versões 1.5 é diferente: em vez de nove marchas agora ele traz "apenas" seis velocidades.

Os preços partem de R$ 129.990 na versão LT e vão até R$ 162.990 no caso da Premier 2.0 turbo. Apenas as versões Premier contam com tração integral.

Veja abaixo os preços e itens de série da linha Equinox 2020

+ Chevrolet Equinox LT 1.5 turbo: R$ 129.990

Itens de série: 6 airbags, acendimento automático dos faróis, ar-condicionado digital com duas zonas de temepratura, alerta de esquecimento no banco de trás, assistente de partida em rampas, banco do motorista com regulagens elétricas, destravamento das portas sem chave, faróis de xênon com luzes diurnas em LED, central multimídia MyLink com tela tátil de oito polegadas, GPS, rodas de liga leve de 18 polegadas, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros e sistema de concièrge OnStar.

+ Chevrolet Equinox Midnight 1.5 turbo: R$ 131.990

Itens de série: todos da versão LT mais carroceria na cor preta, rodas de aro 19 com pintura na cor preta, detalhes externos na cor preta e faróis de neblina com máscaras negras.

+ Chevrolet Equinox Premier 1.5 turbo: R$ 154.990

Itens de série: todos da versão LT mais abertura sensorial do porta-malas, alerta de colisão frontal, frenagem autônoma de emergência, alerta de detecção de pedestres, monitor de pontos cegos, alerta de tráfego cruzado, assistente de permanência em faixa, assistente de estacionamento automático, banco do motorista com regulagens elétricas e memórias de posição, carregador de celular por indução, faróis full led com facho adaptativo, partida remota pela chave, sistema de som premium Bose, rodas de liga leve de 19 polegadas, teto solar panorâmico com acionamento elétrico e tração integral.

+ Chevrolet Equinox Premier 2.0 turbo: R$ 162.990

Itens de série: todos da versão Premier 1.5 mais sistema start-stop, ponteira de escapamento dupla com acabamento cromado, sistema de redução de ruído externo e sistema de grade ativa do radiador.

Como anda?

UOL Carros teve um breve contato com o Equinox 1.5 na pista de testes da General Motors, um parque de diversões para quem gosta de carros localizado em Indaiatuba (SP). Foi lá que o conjunto de 1,5 litro mostrou suas virtudes.

Equinox Premier 1 - Vitor Matsubara/UOL - Vitor Matsubara/UOL
Versões Premier contam com tração integral
Imagem: Vitor Matsubara/UOL

Mesmo tendo 90 cv a menos do que o 2.0 turbo, ele não deixa a desejar. Muito pelo contrário: a motorização estreante parece ter sido feita sob medida para o SUV médio.

Quem gosta de acelerar vai continuar feliz da vida ao volante do Equinox: as respostas são ágeis e a condução é bastante confortável, bem ao estilo de carrão americano que tanta gente aprecia. A suspensão tem calibragem mais mole para priorizar o conforto, mas nem por isso o SUV inclina excessivamente nas curvas fechadas.

Equinox Premier 2 - Fábio Gonzalez/Divulgação - Fábio Gonzalez/Divulgação
Configuração Premier é a única com motorizações 1.5 e 2.0 turbo
Imagem: Fábio Gonzalez/Divulgação

Por conta da nossa primeira experiência ter acontecido em um ambiente controlado e na maior parte do tempo com no máximo três passageiros a bordo, não foi possível avaliar o comportamento do Equinox no limite - ou seja, totalmente carregado.

Porém, a impressão que ficou é que os 172 cv dão conta do recado sem muito esforço. O câmbio automático de seis marchas trabalha em sintonia com o motor e reduz as marchas na hora certa para não deixar o SUV perder embalo.

Consumo bom, preço nem tanto

Equinox Premier 3 - Vitor Matsubara/UOL - Vitor Matsubara/UOL
SUV médio é fabricado no México
Imagem: Vitor Matsubara/UOL

Dados divulgados pela GM indicam aceleração de 0 a 100 km/h em 9,2 segundos, um número elogiável para um carro que pesa quase 1.700 quilos. O consumo também é bom: 9,5 km/l na cidade e 11,7 km/l na estrada e 9,5 km/l na cidade com gasolina - o motor 1.5 não é flex.

Apenas o preço é que poderia ser menor, já que a versão LT 2.0 de 262 cv estava sendo vendida por R$ 132.490 - praticamente o mesmo valor cobrado pelo Equinox Midnight com o novo motor 1.5. No caso da Premier 2.0, o aumento foi de R$ 3 mil.