Topo

Salão de Xangai


Novo Hyundai Creta ganha design polêmico e cabine com ar de Tesla

Vitor Matsubara*

Do UOL, em Xangai (China)

16/04/2019 13h46

Resumo da notícia

  • SUV compacto tem frente parecida com crossover Kona
  • Creta é conhecido como ix25 na China e em outros mercados
  • Utilitário é um dos mais vendidos da sua categoria no Brasil
  • SUV cresceu em quase todas dimensões

O estande da Hyundai no Salão de Xangai tem uma boa surpresa para o Brasil: o novo Creta. Conhecido no mercado chinês (e em outros países) como ix25, o SUV trocou as linhas do antigo Santa Fe por um estilo mais rebuscado, nitidamente inspirado no crossover Kona. Também traz elementos da nova geração do sedã Sonata.

A maior referência está no desenho dos faróis, agora divididos em duas partes. Já o novo formato da grade (mais larga do que o modelo anterior) é um pouco controverso e vem do Palisade.

Novo Hyundai Creta traz conjunto ótico tripartido que rompe com o desenho mais convencional utilizado atualmente - Divulgação
Novo Hyundai Creta traz conjunto ótico tripartido que rompe com o desenho mais convencional utilizado atualmente
Imagem: Divulgação

A Hyundai não divulgou as dimensões do novo ix25/Creta, mas a imprensa chinesa crava que o carro é 30 mm mais longo, 10 milímetros mais largo e 20 mm a mais de distância entre eixos.

Por dentro, o SUV tem como principal novidade uma enorme tela vertical para a central multimídia.

Por enquanto, nada de a Hyundai divulgar detalhes técnicos a respeito do novo Creta, como dimensões e motorização, tampouco imagens oficiais da nova cabine.

Lançado em janeiro de 2017 no Brasil, com produção em Piracicaba (SP), o Creta atual foi o quinto SUV mais vendido do Brasil no primeiro trimestre, com 11.012 emplacamentos, e 17º no ranking geral. Aqui, pode vir equipado com motor 1.6 ou 2.0 flex e câmbio manual ou automático, sempre de seis marchas. Tem preços sugeridos a partir de R$ 78.990.

* Viajou a convite da Caoa Chery

Salão de Xangai