PUBLICIDADE
Topo

Recife e Olinda

Bloco Essa Fada canta o feminismo em Carnaval de Recife

Do UOL, em São Paulo

31/01/2018 16h58

É o quarto Carnaval deste bloco somente de mulheres em Recife. Elas aproveitam a folia para falar sobre empoderamento e protagonismo feminino, além de lutar contra o assédio. A música fica por conta das DJs Gabriela Alcântara e Joana Pires em parceria com a Orquestra Livre.

Formada também só por mulheres, a Orquestra Livre, organizada pela percussionista Milla Bigio, incentiva a participação feminina no ramo musical e leva o frevo para as ruas enfeitadas do Carnaval recifense.

O lema do desfile de 2018 é Pó de Sim, um trocadilho que reforça a ideia de que as mulheres podem e devem fazer apenas aquilo que quiserem. Também serão distribuídas tatuagens temporárias com a mensagem “Mas não é não” para inibir e denunciar assédio e outros comportamentos machistas.

A festa é gratuita, mas para apoiar o bloco, as foliãs podem comprar camisas (R$ 30), saias (R$ 55) e o pó de sim (glitter que dá nome ao bloco, R$ 10). Os itens estão disponíveis na loja Etiqueta Verde (R. Conselheiro Portela, Espinheiro).

Serviço

Bloco Essa Fada
Quando: 7/2 (quarta), 17h
Onde: concentração na Casa Astral (R. Joaquim Xavier de Andrade, 104, Poço da Panela)
Evento no Facebook