PUBLICIDADE

Topo

Amanda Ramalho: "Só melhorei quando parei de mentir para meu terapeuta"

Do VivaBem, em São Paulo

16/10/2020 18h09

No último painel da Semana da Saúde Mental VivaBem, que ocorreu nesta sexta-feira (16), a jornalista e influenciadora digital Amanda Ramalho revelou que só sentiu uma melhora em sua condição mental depois que passou a ser mais honesta com seu terapeuta e seu psiquiatra.

"Eu só melhorei de verdade quando eu parei de mentir para o meu psiquiatra e para o meu terapeuta. Quando eu comecei a ser honesta, o tratamento evoluiu de uma maneira muito maior", disse, durante a conversa com o psiquiatra Jairo Bouer e o psicanalista Christian Dunker.

A jornalista contou que estava boicotando o próprio tratamento por medo de falar certas coisas. Segundo ela, em sua primeira experiência na terapia, aos 15 anos, já mentia para o especialista, porque queria receber alta. "Mas isso é uma ilusão. Eles sabem que a gente está mentindo. Quando você começa a melhorar é mágico, você sente que perdeu tempo ignorando esse problema".

Ramalho ainda disse que quem "edita" a sessão de terapia é o próprio paciente, e não o profissional. Ela afirmou que, se o indivíduo nem considera certa questão como um problema ou tem vergonha de expô-la durante a consulta, o debate não evolui, muito menos o tratamento.