PUBLICIDADE

Topo

Mulheres inspiradoras

Faustão: 7 famosas que falaram de racismo, política e amor LGBT no programa

A vencedora do BBB 21, Juliette, no ""Domingão do Faustão" em maio; ela falou sobre a cobrança por perfeição - Reprodução/Globo
A vencedora do BBB 21, Juliette, no '"Domingão do Faustão" em maio; ela falou sobre a cobrança por perfeição Imagem: Reprodução/Globo

Nathália Geraldo

De Universa

20/06/2021 17h36

Após 32 anos à frente do "Domingão do Faustão" na Globo, Fausto Silva deixou o programa. O apresentador Tiago Leifert o substituirá, temporariamente, a partir deste domingo (20). Nessas três décadas, Faustão já deixou convidados em saia-justa e fez comentários polêmicos, mas seu programa também deu espaço para muitas mulheres passarem recados importantes em rede nacional.

Atrizes, apresentadoras, jornalistas e cantoras que passaram pelo palco de Faustão deram recados marcantes para nós, inclusive rebatendo o apresentador sobre temas mais polêmicos — e Universa separou sete vezes que o Brasil aprendeu muito com elas sobre ser mulher, maternidade, racismo e diversidade.

Mulheres com discursos poderosos na TV

  • Juliette e o peso de "ser perfeita" após o reality
Faustão seguia, mais recentemente, a tradição de entrevistas ex-BBBs eliminados do reality show. Com a vencedora da última edição, Juliette Freire, não foi diferente. Ela comentou sobre o peso que a fama trouxe para sua vida, com a projeção de fãs em relação a quem ela é de verdade. Também fez questão de evidenciar a luta de sua mãe, que a inspira como mulher.
"[As pessoas estão] Me vendo como algo bom, não como perfeição, eu não quero esse peso. Por favor, esse peso não é meu, essa carga não é minha. Eu sempre tentei ser boa. Eu não sou bondade, eu tento, eu tento, eu tento o quanto eu puder", disse a participante.

Estão dizendo 'você é muito forte'... Eu não sou metade, não sou 1% do que minha mãe é. Ela conseguiu passar por tudo de mais difícil que uma mulher, nordestina, analfabeta, passou. E ela passou por tudo isso com um coração generoso e acreditando que ia dar certo, acreditando no melhor.

  • Maju Coutinho falou sobre racismo
maju - Reprodução/Globo - Reprodução/Globo
Maju Coutinho, no Troféu Domingão 2019
Imagem: Reprodução/Globo

Depois de ganhar o prêmio Melhores do Ano de 2019, pela atuação no "Jornal Hoje", a jornalista Maju Coutinho falou no programa sobre o enfrentamento dos ataques racistas que sofreu pela internet quando assumiu o posto na TV.

"Quando a gente vira uma pessoa pública, a gente tem que estar blindado pra isso. A gente é muito atacado porque está na mídia. Tem o pessoal que me adora e o que pode me odiar. Acima de tudo tem de ter respeito e a lei... Aquele que tem atitude criminosa, a gente aciona a lei e está tudo certo", ponderou, falando sobre os mecanismos que criminalizam racismo e injúria racial.

  • Ludmilla falou de LGBTfobia e namoro com Brunna Gonçalves
Foi durante participação no quadro "Show dos Famosos", em 2019, que a cantora Ludmilla comentou sobre o começo do namoro com a dançarina Brunna Gonçalves. "Agora posso gritar para o mundo que sou livre!".
Ludmilla também deu o recado sobre como casais lésbicos ou LGBTs ainda são alvos de discriminação na sociedade.
"O maior problema é enfrentar as pessoas preconceituosas. Mas, graças a Deus, a minha família sempre me apoiou, e os meus fãs também. E quando eu resolvi assumir o meu relacionamento, eu ganhei tanto amor e tanta mensagem de carinho que agora eu tô me sentindo muito melhor, muito mais eu, coisa que estava guardada na caixinha." Hoje, a funkeira e Brunna são casadas.
  • Regina Casé: recado sobre construir pontes e admiração por filha
regina - Divulgação - Divulgação
Regina Casé falou sobre afeto que personagem Lurdes levou à sua vida e homenageou a filha, Benedita
Imagem: Divulgação

Em um "Arquivo Confidencial", no ano passado, a atriz e apresentadora Regina Casé fez discurso sobre como Lurdes, sua personagem na novela "Amor de mãe" era uma oportunidade de construir pontes e diálogos pelo afeto. "Tudo é contra o amor hoje em dia, contra a compreensão, contra ouvir o outro... E a Lurdes tá me dando a chance de ser a mensageira desse amor que eu acredito que tem dentro da gente. O momento não é de levantar muros, é de criar pontes.

A famosa aproveitou também para elogiar a filha, Benedita Casé, e como a herdeira, que tem deficiência auditiva, se tornou um exemplo de mãe e mulher para ela.

Minha filha me ensinou a ser mãe e a ser mulher. E ela já é uma mãe muito melhor que eu.

  • Marieta Severo, política e desigualdade social

Em 2015, Faustão criticou o contexto social do Brasil em conversa com a atriz Marieta Severo. Na ocasião, ele disse que o país era o "da corrupção", "da desesperança". A atriz se posicionou rebatendo a fala de Faustão.

"Acho que o país caminhou muito nos últimos anos. Acho que temos uma crise, sim, mas, para mim, uma coisa muito importante que se chama 'inclusão social', a chamada luta contra a desigualdade. É claro que precisamos estar com uma economia equilibrada. Mas a gente teve muito isso nos últimos anos. É um ponto que fala de maneira muito determinante", disse a atriz.

  • Bruna Linzmeyer falou sobre amor lésbico

Faustão recebeu a atriz Bruna Linzmeyer no palco do Domingão em 2017 e falou sobre a importância de ela e outras mulheres famosas levantarem a bandeira da visibilidade lésbica. "Assim como a Daniela Mercury ou a Fernanda Gentil, quando vocês tomam essa decisão num meio em que a exposição é muito forte, mostram personalidade, ainda mais numa sociedade hipócrita e preconceituosa", pontuou o apresentador.

bruna - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Na atração dominical, a atriz Bruna Linzmeyer foi uma das que abordou o amor LGBT de forma natural
Imagem: Reprodução/Instagram

Bruna afirmou que o relacionamento à época aconteceu porque ela seguiu "muito o coração". "Um dia me apaixonei por uma pessoa e ela era uma mulher. A gente tem que estar aberto para seguir nosso coração e entender de onde vem nosso desejo".

  • Ivete Sangalo sobre criação de filhos

Figura carimbada no palco do Domingão do Faustão, a cantora Ivete Sangalo comentou sobre como cria os filhos, Marcelo, e as gêmeas Marina e Helena com igualdade dentro de casa. O papo foi em 2019.

"Todos nós temos uma igualdade em casa. A gente procura semear para eles o que de fato tem que ser. O papel do homem e o papel da mulher são idênticos. E apesar das diferenças de temperamento do pai e da mãe, fazemos tudo de acordo, com eles, inclusive. Porque, embora muito pequenininhos, eles são indivíduos."

Mulheres inspiradoras