PUBLICIDADE

Topo

Autoestima

Ela se acha linda e não está nem aí para os haters sobre sua aparência

Lu Dorini sempre posta no Instagram conselhos e textos motivacionais - Reprodução
Lu Dorini sempre posta no Instagram conselhos e textos motivacionais Imagem: Reprodução

De Universa, em São Paulo

02/10/2020 16h46

Lu Dorini, natural de Mangueirinha (PR), contou em entrevista ao The Sun como se sente uma mulher linda e não se importa com os haters pela sua condição.

O distúrbio facial, chamado de hemangioma, começou quando ela tinha apenas oito meses. Ele é causado por um emaranhado anormal de vasos que conectam artérias e veias e interrompem o fluxo sanguíneo e a circulação de oxigênio no local.

A contadora conta que já passou por 19 cirurgias para conter inúmeras hemorragias e que tenta ajudar outras pessoas com a mesma condição no seu blog Eu Tenho Hemangioma, e Daí?.

"Sou uma mulher com hemangioma, mas não deixo que ela me controle. Sempre estudei normalmente, trabalho desde os 13 anos e não parei com a rotina só por causa do meu distúrbio", disse.

"Sou uma mulher bonita, inteligente, capaz e nunca pensei que precisava ser de uma forma diferente para ser aceita."

Lu também compartilha textos e vídeos da sua rotina no Instagram, onde acumula mais de 33 mil seguidores."Meus vídeos se concentram em temas como autoestima, autoconhecimento, forças de caráter, emoções e questões da mente e do coração", disse ao jornal.

Setembro Amarelo e a busca pela felicidade...? ? Tales de Mileto filósofo do século 6 A.C., disse que felicidade era ter um corpo são e forte;? Os renomados, Sócrates e Platão, século 5 A.C., incorporaram a mente e a alma no conceito de felicidade;? Já Aristóteles no século 4 A.C., afirma que o caminho para a felicidade está nas pessoas exercerem suas virtudes e forças, buscando a excelência.? ? Além do último conceito, felicidade nos dias atuais também é vista como o resultado de uma equação, onde se tem mais emoções positivas que negativas...? ? Mas como conseguir esse saldo se o nosso cérebro tende sempre a ressaltar o lado negativo das coisas?? ? ? Se seu filho tirou 7 notas altas e 1 baixa, você vai ficar pensando na baixa;? ? Se você se separou depois de 10 anos de um casamento feliz, vai sobrepor às boas lembranças o momento do divórcio;? ? O cérebro salva com mais intensidade o que nos causa danos, agindo como um sistema de defesa, que nos faz lembrar do que fez mal, para que o evitemos futuramente. ? ? Mas não é porque o cérebro não está registrando que não estamos vivendo as emoções positivas:? ? ? Se saboreasse cada nota alta do seu filho;? ? Se lembrasse dos momentos felizes do seu relacionamento;? ? Se você desse a cada emoção, somente a importância que ela realmente tem, sem sombra de dúvidas você teria um saldo positivo... ? ? E isso é possível, porque o nosso cérebro tem capacidade de se adaptar, desde que você o treine para ver o mundo pelo viés positivo...? ? Comece valorizando os pequenos detalhes do seu dia, desde o poder despertar, até o agradecimento ao deitar-se... desde o poder respirar, até o teto que o abriga... desde o poder dar um abraço, até à sua família... desde o toque do despertador, até o seu salário no final do mês... desde poder comer, até o aprender a ser feliz... ? ? E com emoções positivas afloradas, uma pitada de sentido e um bom propósito... ? ?Acolha a felicidade... não no amanhã com grandes conquistas, mas em cada instante do hoje... ? ? E sendo assim, o setembro será amarelo do brilho do sol, das cores das flores, e do bater do seu próprio coração... ? ? Porque quem sente a felicidade, luta para continuar sentindo.

Uma publicação compartilhada por Lu Dorini (@ludorini) em

Para ela, a missão da vida é compartilhar sua história e fazer com que as pessoas sorriam mais. Ainda assim, ela conta que há comentários negativos e depreciativos sobre sua aparência física.

"Isso não me deixa menos feliz. Devo confessar que já chorei antes de receber comentários ou atitudes rudes das pessoas. Mas, atualmente, isso não me afeta em nada, não me deixa feliz, mas também não me deixa chateada", analisou.

Lu ainda deixou um recado importante para que as pessoas se amem mais e não fiquem preocupadas com tudo.

"Acredite que você é capaz, não reclame do que não é e seja grato pelo que é. Respeite-se e não se compare com os outros e o mais importante: entenda que cada pessoa é única."

Autoestima