PUBLICIDADE

Topo

Direitos da mulher

Gabriela Prioli fecha parceria e doa calcinhas absorventes para detentas

Gabriela Prioli fechou parceria com marca de calcinhas absorventes para doar item de higiene a detentas - Divulgação
Gabriela Prioli fechou parceria com marca de calcinhas absorventes para doar item de higiene a detentas Imagem: Divulgação

Colaboração para Universa, em São Paulo

24/09/2020 13h58Atualizada em 25/09/2020 17h50

Gabriela Prioli irá doar milhares de unidades de calcinhas absorventes para duas penitenciárias femininas em São Paulo.

A apresentadora da CNN Brasil, mestre em Direito Penal, fechou uma parceria com a marca Pantys para entregar 1.378 unidades para a Penitenciária Feminina da Capital, que tem 480 detentas, e para a CPP Franco da Rocha, que abriga 898 mulheres.

A ação faz parte do projeto "Nós Mulheres", que arrecada absorventes e produtos de higiene para detentas de São Paulo. A distribuição das calcinhas absorventes ficará sob responsabilidade da Pastoral Carcerária de Santana (SP).

"Em virtude da superlotação, a entrega pelo Estado de itens básicos de higiene feminina, como os absorventes, pode ser insuficiente, o que faz com que as mulheres presas dependam em maior medida de doações, que podem, por exemplo, ser feitas por familiares. Só que pesquisas recentes mostram que apenas 20% das mulheres encarceradas recebem visitas. Sem opção, enfrentam a menstruação como dá: jornal, pedaço de tecido, miolo de pão e o mesmo absorvente por vários dias", detalhou Prioli em um comunicado sobre a parceria.

A apresentadora ainda deixou claro que, apesar de importantes, as boas ações isoladas não resolverão a falta de atenção com as mulheres no sistema carcerário, pedindo medidas das autoridades políticas para dar fim às violações de direitos humanos.

"Depende também de empenho e atuação coordenada entre as nossas lideranças políticas e instituições, mas a ação devolverá a parcela de dignidade retirada ilegalmente de parte dessas mulheres", finalizou.

Em nota, a Secretaria da Administração Penitenciária afirmou que "todas as unidades prisionais femininas do estado de São Paulo fornecem mensalmente para as reeducandas o kit higiene, composto por sabonete, creme dental, escova dental, papel higiênico e absorventes, além de uniforme e outros itens que atendem às necessidades básicas".

"Se a custodiada necessitar de mais absorventes, basta solicitar que será atendida. Aproveitamos para informar que o CPP de Franco da Rocha é uma unidade masculina, então não se qualificaria para receber a doação. Além disso, atualmente nenhuma unidade feminina paulista está superlotada - a população de presas é 10.021 para um total de 12.846 vagas (data-base: 18/09/2020)", informou.

Direitos da mulher