PUBLICIDADE

Topo

Violência contra a mulher

Rose McGowan diz que foi abusada por Alexander Payne aos 15 anos

Rose McGowan é uma das principais vozes do #MeToo - Reprodução/Instagram
Rose McGowan é uma das principais vozes do #MeToo Imagem: Reprodução/Instagram

De Universa, em São Paulo

18/08/2020 10h08Atualizada em 18/08/2020 12h57

A atriz Rose McGowan, de "Pânico" e "Grindhouse", acusou o diretor Alexander Payne, de "Nebraska" de ter cometido abuso sexual quando ela tinha 15 anos. Em extenso relato publicado em seus perfis oficiais do Instagram e do Twitter, ela disse que demorou a entender que, mesmo com consentimento, é errado — e criminoso — ter relações sexuais com menores de idade.

"Por anos eu pensava que as experiências que vivi com esse homem eram relações sexuais. Agora eu sei que eu fui aliciada. Eu fiz um teste com ele para um papel aos 15 anos. Depois da minha experiência com ele, eu parei totalmente de atuar até que fui 'descoberta' aos 21 anos", contou a atriz de 46 anos no Instagram.

"Estou mais triste do que brava. Triste por mim mesma aos 15 anos. Triste pela minha versão adulta que ainda pensava que aquela foi uma escolha minha."

"Aliciamento é real. Eu quero que vocês saibam que não é culpa se vocês foram manipuladas mentalmente a pensar que é certo, não é. Eu sei disso agora", alertou Rose, que é uma das principais vozes do movimento #MeToo — que denuncia casos de abuso sexual em Hollywood.

No texto, ela reforçou que as vítimas não devem se sentir culpadas pelos abusos e lembrou que os aliciadores são habilidosos. Ela disse que, aos 15 anos, não pôde reconhecer os sinais de perigo. "Se você está tentando fazer sexo com menores de idade, você está cometendo um crime, mesmo que o menor não saiba disso", reforçou.

Last night I dropped a bomb of truth. For years I had thought a man I had sexual relations with was a a sexual experience I had. I now know I was groomed. I auditioned for him at 15. After my experience with him, I quit acting entirely until I was 'discovered' at 21. When that happened, I was like, fuck it, let's do this. I even tweeted a congratulations on his Oscar win in 2012, that's how deep in the Cult of Hollywood I was. It wasn't until three weeks after the Weinstein story broke that I re-evaluated the situation. I feel badly about throwing a bomb into someone's life and career, but I guess that's social conditioning. I'm more sad than angry. Sad for 15 year-old me. Sad for the adult me that still thought it was a choice I made. Grooming is real. I want you all to know that it's not your fault if you were mentally massaged into thinking it's okay. It is not. I know this now. I would even go up to this director at events and ask him, with a smile, "remember when you had sex with me at 15?" And I would laugh it off. That is deep societal programming. If you are out there trying to have sex with an underage minor, you are committing a crime, even if the minor doesn't know it. I was attracted to him, so I thought it was on me, but that's not correct. I was not an adult. When it happened, I'd recently been left behind in Hollywood by a family member to fend for myself. The wolves preyed. Please recognize that if this has happened to you, the shame is not yours, it's theirs. Give it back. Groomers are skilled operators and at 15, I was not aware of the warning signs. I named him on Twitter, but since Instagram is my softer side, I just don't want his name here. Goddess bless us all, except for those that abuse their power. Here's to freedom, yours and mine.

Uma publicação compartilhada por Rose McGowan (@rosemcgowan) em

Denúncias no Twitter

Rose McGowan fez a primeira denúncia contra Payne — vencedor do Oscar de Melhor Roteiro Adaptado por "Sideways" e "Os Descendentes" — no Twitter, antes de publicar o relato extenso no Instagram.

A atriz disse que o diretor, que na época tinha 30 anos, chegou a mostrar pra ela um filme pornô leve que ele havia dirigido. "Eu ainda lembro do seu apartamento em Silverlake. Você era bem dotado. Você me deixou em uma esquina depois. Eu tinha 15 anos", escreveu.

Rose disse que só quer que Payne se desculpe. "Eu não quero destruir", disse a atriz ao publicar uma foto de quando tinha 15 anos.

Violência contra a mulher