PUBLICIDADE

Topo

Moda

Loja online se desculpa após confusão sobre venda de colar com suástica

Varejista de moda Shein se desculpa ao criar colar com pingente de suástica - Reprodução/Twitter
Varejista de moda Shein se desculpa ao criar colar com pingente de suástica Imagem: Reprodução/Twitter

De Universa

09/07/2020 18h57

O site de varejo de moda Shein causou revolta entre consumidores ao vender um colar com pingente de suástica budista, que é facilmente confundida com a suástica nazista. A loja se desculpou e removeu o item do site.

Após diversas reações negativas nas redes sociais, um representante da marca ainda tentou esclarecer que a suástica budista "simboliza espiritualidade e boa sorte há mais de mil anos", ao anunciar a retirada do produto.

"A suástica nazista tem um design diferente; é apontada no sentido horário e inclinada em ângulo. No entanto, porque entendemos que os dois símbolos podem ser confundidos e um é altamente ofensivo, removemos o produto de nosso site", declarou o representante para o site TMZ.

Nas redes sociais, vários perfis se manifestaram contra a marca.

Ainda segundo o TMZ, a loja enviou um pedido de desculpas: "Como uma marca multicultural e global, queremos pedir desculpas a quem está ofendido, somos sensíveis a essas questões e queremos deixar bem claro que não apoiamos ou toleramos preconceito ou hostilidade racialmente, culturalmente ou religioso".

"Estamos trabalhando ativamente em nossa estrutura e processos internos para resolver esses problemas, incluindo um comitê de revisão de produtos para garantir que respeitemos nossa comunidade diversificada", completou.

Moda