PUBLICIDADE

Topo

Recém-solteira, Erika Januza conta que já implorou para voltar com um ex

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram

Carol Martins

Colaboração para Universa

07/12/2019 04h00

O namoro de um ano e dois meses de Érika Januza e Victor Evangelista chegou ao fim e a distância foi o principal motivo. "Antes eu não estava gravando e agora gravando como é que viaja? É difícil", disse a atriz durante a coleção Golden Time, da Vivara, na Estação Júlio Prestes, em São Paulo.

A intérprete de Mariana, da nova novela das nove da TV Globo, Amor de Mãe, contou que o rompimento foi em comum acordo entre eles. "Terminar nunca é bom, mas nós dois estávamos vendo que não rolava mais. Era um namoro em que nos víamos de 15 em 15 dias. Ele morava no interior de Pernambuco e eu aqui. Mas até que levamos muito bem nesse tempo."

Érika contou que manter a amizade após o fim do relacionamento depende de como foi o rompimento. "Não me tornei inimiga dele, mas ele achou melhor a gente não se falar por enquanto."

A atriz já havia comentado sobre o ciúme do agora ex e concorda que namorar alguém do meio artístico às vezes torna o relacionamento mais simples.

"Pois é. Quando a pessoa não é da área tem ciúme do par romântico, tem essas coisas. A minha prioridade agora é minha carreira, não que eu não descarte um amor, e não que quando eu estiver com alguém eu não vá cuidar com todo o meu amor, mas minha prioridade é a carreira e não estar com alguém que seja contra ou que vá implicar. As coisas têm que se encaixar. Estou neste momento, [querendo] que as coisas se encaixem. E estou bem porque estou trabalhando. Se não estivesse...", diz.

Erika também conta que já viveu um relacionamento abusivo. "Psicologicamente talvez, mas nada forte. Essa coisa de estar cega no amor e deixar de fazer coisas, ou fazer coisas que não deveria, tem coisas que eu não faria de novo, como implorar para voltar", contou.

"Com o passar do tempo você olha para trás e se você implorou é porque já não era nem para estar [com a pessoa]. Se a pessoa está com você, ela tem que querer estar com você. Se implorou, não vai dar certo. Hoje não faço isso mais."

Relacionamentos