PUBLICIDADE

Topo

Beleza

Luísa Sonza diz que mantém o corpão com rotina corrida e futebol

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram

Carol Martins

Colaboração para Universa

05/12/2019 04h00

Seja nas redes sociais ou em shows, Luisa Sonza deixa em evidência o bumbum elogiado até por Anitta, que já confessou desejar ter a parte do corpo para ela. Mulher do youtuber Whindersson Nunes, Luisa diz que o atributo está longe de ser resultado de malhação. "Olha para minha cara se eu vou fazer exercício. Se você quer ter uma bunda, é jogar futebol. É vida", disse a cantora para Universa no lançamento da collab da Hering com a estilista Lethicia Bronstein, em São Paulo.

A cantora praticou alguns anos o esporte e chegou a sonhar em seguir a carreira de jogadora de futebol. "Tem muito de memória muscular também, porque fui praticamente uma jogadora de futebol real", conta Luisa. "No futebol faz muito sentido ter perna, bunda. Eu queria ser jogadora, mas cantava desde muito cedo e escolhi a música", disse ela, que, além do futebol, incluía em sua vida esportiva modalidades com hipismo, atletismo e vôlei.

Recém-eliminada do "Dança dos Famosos", quadro do "Domingão do Faustão", na TV Globo, Luiza diz que sua rotina estimula a perda de peso e o fortalecimento dos músculos.

"A rotina é diferente, eu não trabalho sentada em um escritório. Estou sempre andando, eu faço show de duas horas em cima de um salto fino, fiz a "Dança". Então, é o tempo todo 'voando' para lá e para cá, é mortal, é pulo. Acho que meu segredo também é esse", explicou. "É legal que vocês achem minha bunda bonita. Sempre gostei de ter bunda."

Luísa é dona uma coleção exclusiva de beachwear ao lado da marca La Sirène, e lançou, em parceria com o artista plástico Romero Britto, uma coleção de biquínis que tem seu estilo e está à venda no Brasil, Estados Unidos e Europa.

"O biquíni brasileiro é menor, mas consegui adaptar para que não seja tão fio dental. Modela o bumbum, porque tem a história do bumbum brasileiro", explicou. "O modelo asa delta vai arrasar no verão e os meus biquínis fazem um sucesso estrondoso com as estrangeiras."

Até então a gaúcha de Tuparendi desconhecia referências de grifes mas acredita ter uma tendência para moda.

"Não conhecia o que era Gucci, Chanel, fui aprender o que era quando fui morar em São Paulo, com 17 anos. Mas minha mãe sempre foi uma pessoa que gostou de moda. Eu aprendi a costurar com a minha avó e até hoje dou uns pontinhos quando preciso", contou. "Desde criança tinha muita personalidade, era mais moleque porque vestia o que me sentia bem, em relação à moda mas sempre tive muita identidade."

Beleza