PUBLICIDADE
Topo

Zuckerberg entra em grupo de cães, quebra regra e inscritos querem bani-lo

Mark Zuckerberg, o criador do Facebook - Getty Images
Mark Zuckerberg, o criador do Facebook Imagem: Getty Images

Felipe Oliveira

Colaboração para Tilt

19/07/2021 19h10

Imagine ter no mesmo grupo do Facebook simplesmente o criador da rede social? Pois bem, a situação já seria inusitada. Mas e se o chefão da plataforma infringisse as regras desse grupo? Isso aconteceu.

O presidente-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, entrou em um grupo de tutores de cachorros para anunciar novidades de recursos para as pessoas. Contudo, ao fazer sua publicação, ele não incluiu uma imagem de cachorro na postagem, uma regra básica para qualquer postagem por lá.

Entre as outras regras do grupo estão que: é proibido publicar textos relatando a morte dos cães, dar conselhos relacionados à saúde animal e é necessário que o conteúdo postado seja original, ou seja, não pode ter sido copiado de outros grupos.

O que aconteceu com Zuckerberg

A novidade anunciada pelo chefão da rede social dizia a respeito de uma funcionalidade que permitiria aos administradores e membros do grupo trazer especialistas para alimentar o debate e tirar dúvidas dos participantes — esses especialistas responderiam perguntas em uma conversa, que depois seria compartilhada para todos.

Postagem de Mark Zuckerberg em grupo de cachorros - Reprodução - Reprodução
Postagem de Mark Zuckerberg em grupo de cachorros
Imagem: Reprodução

Mas os membros do grupo, ao que parece, pouco se interessaram pela novidade e começaram a cobrar, na caixa de comentários, que o fundador do Facebook postasse uma imagem do seu cachorro — alguns chegaram a pedir o banimento de Mark por violar as regras básicas.

"Oh meu Deus, podemos bani-lo? Imagina o poder disso", escreveu uma seguidora. "Onde está seu cachorro, Mark?", perguntou outra.

Reação dos membros de grupo em que Mark Zuckerberg infringiu regras - Reprodução - Reprodução
Reação dos membros de grupo em que Mark Zuckerberg infringiu regras
Imagem: Reprodução

"Mark Zuckerberg, este é um grupo de cachorros, nos mostre o seu", cobrou uma terceira.

Até o momento, a postagem de Mark Zuckerberg tinha mais de 2,2 mil curtidas, 160 compartilhamentos e 404 comentários. Um dos administradores travou os comentários na postagem.

Após a confusão e repercussão negativa por ter violado as regras do grupo, Zuckerberg agradeceu aos participantes, disse que foi "divertido" e postou algumas fotos de seu cachorro. Confira:

Mark Zuckerberg posta fotos de cachorro depois de ter infringido regras de grupo no Facebook - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

A história repercutiu e foi parar no Twitter.