PUBLICIDADE
Topo

Móveis, carro e 219 Big Macs: o que dá para comprar por um novo iPhone roxo

Lucas Carvalho

De Tilt, em São Paulo

21/04/2021 04h00

Quem sempre teve o sonho de ter um iPhone roxo pode começar a juntar as moedinhas. A Apple anunciou nesta terça-feira (20) o lançamento de uma nova versão do iPhone 12 e do iPhone 12 Mini, que agora vêm com uma opção de cor rara na história do celular. Mas o preço não mudou: o aparelho mais barato sai por a partir de R$ 6.999.

Não é tão caro quanto algumas outras versões do iPhone, que já saíram por mais de R$ 10 mil, mas ainda não é tão barato. Para você ter uma ideia, dá para comprar quase dez cestas básicas, um carro usado, 219 sanduíches e até mobília para uma casa nova (se você não for muito exigente).

Tilt comparou o preço oficial, no site da Apple, de um iPhone 12 Mini roxo com 64 GB de armazenamento —o mais barato com a nova cor— ao valor de outros itens no mercado, de um carro usado até a mobília quase completa de uma casa, passando pelo valor da cesta básica até o preço de um Big Mac. Todos os valores foram obtidos em 20 de abril de 2021.

Cesta bãsica - iStock - iStock
Imagem: iStock

Cesta básica e salário mínimo

Por R$ 6.999, um iPhone 12 Mini roxo, ou de qualquer outra cor, equivale a quase seis vezes o salário mínimo brasileiro, de R$ 1.100, definido para 2021.

Acha que o salário mínimo é que é baixo demais? Segundo o Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), esse valor deveria ter sido de R$ 5.315,74 em março, levando em conta o preço da cesta básica mais barata do país. Mesmo assim, o iPhone ultrapassa o valor em R$ 1.683,26.

Em São Paulo, dá para comprar quase dez cestas básicas. O estado, segundo o Dieese, tem a cesta básica mais cara do país, por R$ 626 —valor que apresenta a soma do preço médio de produtos de utilidade básica em março. Em Salvador (BA), que tem a cesta mais barata do Brasil, daria para comprar 15 delas.

Galaxy Z Flip, smartphone com tela dobrável da Samsung - Divulgação/Samsung - Divulgação/Samsung
Galaxy Z Flip, smartphone com tela dobrável da Samsung
Imagem: Divulgação/Samsung

Celular dobrável ou o mais buscado

Se o seu sonho é ter um celular que quase ninguém tem e ainda na cor roxa, o iPhone 12 não é o único no mercado. Por R$ 6.999, você pode comprar um Galaxy Z Flip, o aparelho com tela dobrável da Samsung que ainda vem com suporte a 5G.

Ele foi lançado no Brasil custando R$ 8.999, mas, mais de um ano depois, já dá para encontrá-lo por R$ 3.998 no varejo. Ou seja, pelo preço de um iPhone 12 Mini roxo de 64 GB você quase pode comprar dois celulares dobráveis de 256 GB.

Mas se você for mais básico, pode dar uma olhada no Redmi 9, da Xiaomi, o celular mais comprado na Amazon do Brasil. Dá para comprar até seis unidades, já que o aparelho sai por R$ 1.052.

Geladeira aberta - Getty Images/iStockphoto - Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Mobília

Sim, é possível até mobiliar uma casa com o preço de um iPhone roxo. Tilt pesquisou os itens mais baratos de cada categoria abaixo no Shopping UOL, a ferramenta de comparação de preços do UOL.

  • TV LED 4K de 50 polegadas: R$ 2.469,99
  • Lavadora de 8,5 kg: R$ 1.033,20
  • Fogão de quatro bocas: R$ 380
  • Geladeira de 240 litros: R$ 1.260
  • Cama box para casal: R$ 339,00
  • Micro-ondas de 20 litros: R$ 349
  • Conjunto de sofás com dois e três lugares: R$ 599,90
  • Guarda-roupa para casal com seis portas: R$ 388,08

O total sai por R$ 6.819,17. Ou seja, pelo preço de um iPhone roxo, dá para mobiliar a casa e ainda sobram R$ 180.

Ford Fiesta 2002 - Divulgação - Divulgação
Ford Fiesta 2002
Imagem: Divulgação

Carro ou moto

Talvez mobiliar a casa não seja um problema para você. Mas e o transporte? Saiba que é possível até comprar um carro usado pelo preço que você pagaria em um iPhone 12 Mini roxo, desde que não se importe muito com a idade do veículo.

Pesquisando em sites de classificados de automóveis, Tilt encontrou modelos populares como o Ford Fiesta e o Peugeot 206, ambos de 2002 e com mais de 100 mil quilômetros rodados, custando menos do que os R$ 6.999 cobrados no novo iPhone roxo.

Se o que você procura é uma motocicleta, o mercado também tem opções mais acessíveis que um telefone de cor incomum. Uma Shineray Jet 125 de 2020 sai por R$ 6.990 —ainda sobram R$ 9. Se aceitar modelos usados, uma popular Honda CG 125 Fank KS com 75 mil quilômetros rodados sai pelo mesmo preço do celular da Apple.

Gaten Matarazzo interpreta Dustin em "Stranger Things", série da Netflix - Divulgação/Netflix - Divulgação/Netflix
Imagem: Divulgação/Netflix

Streaming

Que tal trocar seu iPhone 12 mini roxo por pacotes de streaming? Fica a dica: vai demorar para você pedir a senha de um amigo emprestado.

Por R$ 6.999 dá para pagar 152 mensalidades da Netflix no plano mais caro, aquele com resolução 4K em até quatro aparelhos ao mesmo tempo. Após 12 anos de Netfflix, ainda sobrariam R$ 22,20 que você poderia gastar com mais um mês no plano básico.

Se você prefere o Amazon Prime Video, saiba que, por R$ 6.999, você poderia assinar o pacote que dá acesso ao streaming de séries e filmes por 58 anos, assim como o Apple TV+. O Disney+ duraria 25 anos se você pagasse a assinatura anual.

Ou, se quiser, dá para pagar 260 mensalidades —21 anos— do plano familiar do Spotify Premium. Talvez você prefira o YouTube Music? Não tem problema. O streaming musical do Google poderia ser seu no plano familiar por 277 meses, ou 23 anos. Prefere o Deezer? O plano HiFi, com a mais alta qualidade de áudio, duraria também 260 meses.

Big Mac - Divulgação/McDonald's - Divulgação/McDonald's
Imagem: Divulgação/McDonald's

Big Mac

Bateu a fome? Com a grana cobrada pela Apple em um iPhone 12 roxo você poderia comprar 219 combos do Big Mac, incluindo batata grande e refrigerante, que hoje sai por R$ 31,90. Seriam quase quatro lanches por semana durante um ano. Mas atenção: não recomendamos uma dieta exclusiva de fast food.