Topo

Brasil chega a 70% da população online, e conexão na TV avança sobre PCs

Internet já chega a 70% da população brasileira - Getty Images/iStockphoto
Internet já chega a 70% da população brasileira Imagem: Getty Images/iStockphoto

Helton Simões Gomes

De Tilt, em São Paulo

28/08/2019 11h00

Sem tempo, irmão

  • Internet já chega a 70% da população brasileira, aponta pesquisa TIC Domicílios 2018
  • Índice de pessoas conectadas no Brasil mais do que dobrou em 10 anos
  • Celular ainda é aparelho mais usado nas conexões, e PCs perdem espaço para as TVs
  • Smartphones são importantes, sobretudo, para as classes C e DE
  • Entre os domicílios, já é de 67% índice das casas do Brasil que já têm conexão

Em dez anos, o Brasil mais que dobrou a parcela de sua população que se conecta à internet. Os 126,9 milhões de pessoas conectadas no país em 2018 representam 70% do total de brasileiros -em 2008, essa fatia era de apenas 34%.

Isso é o que mostra a pesquisa TIC Domicílios 2018, divulgada nesta quarta-feira (28) pelo Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (CETIC.br).

Os dados foram compilados a partir de entrevistas domiciliares a uma amostra de 23.508 casas de 350 municípios de todo o Brasil, coletada entre outubro de 2018 e março de 2019.

A pesquisa detalha qual é a faixa de conectados em classes sociais. Enquanto a fatia de usuários da internet da classe DE cresceu, a do topo da pirâmide caiu. Veja a seguir:

  • A: de 96% (2017) para 92% (2018)
  • B: de 89% (2017) para 91% (2018)
  • C: de 74 (2017) para 76% (2018)
  • DE: de 42% (2017) para 48% (2018)

O celular se mantém como aparelho mais usado por quem é internauta, já que 97% dos usuários conectados fazem uso do dispositivo. O computador, por outro lado, continua perdendo espaço na vida online do brasileiro. Se em 2014 os PCs eram usados por 80% das pessoas online, essa fatia caiu para 51% em 2017 e para 43% em 2018.

A queda do eletrônico que foi a porta de entrada da rede mundial dos computadores para muita gente contrasta com a ascensão de outro aparelho: as TVs passaram a ser usadas por 30% dos internautas — elas devem se tornar nos próximos anos o segundo dispositivo mais usado para acessar a internet no Brasil. Os televisores deixaram de ser voltados apenas para assistir programas e passaram a ser mais interativos, seja por serem uma smart TV ou por meio de outros acessórios, como os diversos set-o-box e outros gadgets como Chromecast (Google) e Fire TV Stick (Amazon).

Em outro recorte, a pesquisa do NIC.br mostra que a participação dos internautas que costumam usar apenas o celular vai crescendo das classes sociais mais altas para as mais baixas. No topo da pirâmide, 12% dos internautas dispõem apenas de smartphones para se conectar, enquanto nas classes DE esse índice é de 85%. Veja abaixo como é a distribuição por classe do dispositivo de conexão:

  • A: Só celular: 12%; Só computador: 4% ; Ambos: 84%
  • B: Só celular: 29%; Só computador: 3%; Ambos: 67%
  • C: Só celular: 61%; Só computador: 3%; Ambos: 35%
  • DE: Só celular: 85%; Só computador: 2%; Ambos: 13%

Casas conectadas

O número de casas conectadas chegou em 2018 a 67% do total, o equivalente a 46,5 milhões de domicílios. A TIC Domicílios apontou ainda que houve avanço de penetração da internet nas residências das diferenças classes sociais, mas o nível de conexão ainda é maior no topo da pirâmide. Veja abaixo o índice de acesso à internet:

  • A: manteve em 99%
  • B: passou de 93% (2017) para 94% (2018)
  • C: passou de 69% (2017) para 76 (2018)
  • DE: passou de 30% (2017) para 40% (2018)

SIGA TILT NAS REDES SOCIAIS

Chegou Tilt, o canal de tecnologia do UOL

UOL Tilt

Mais Fique por dentro