Conteúdo publicado há 2 meses

Renascer: Por onde anda a atriz que interpretou Buba na versão original?

No capítulo de quarta-feira (7) da novela "Renascer" (Globo), Buba (Gabriela Medeiros) revelou para José Venâncio (Rodrigo Simas) que é uma mulher trans. Porém, essa trama foi modificada da versão original da novela, exibida em 1993. Quem interpretou a personagem na versão de Benedito Ruy Barbosa foi a atriz Maria Luisa Mendonça, que fez sua estreia na televisão aos 23 anos.

Por onde anda a atriz da Buba original?

Anteriormente, a atriz só havia trabalhado em peças teatrais. Apesar de ser uma das personagens secundárias, Buba foi um divisor de águas na carreira dela e ainda abriu o debate sobre intersexualidade, em 1993.

A atriz fez papéis de destaque na TV, mas também nas telonas, nos filmes "Carandiru", de 2003, "Mulher Invisível", de 2009, e "O Homem do Futuro", de 2011. Seus projetos mais recentes foi em "Verdades Secretas 2", a série "Americana", do Star+, e o longa "Meu casulo de Drywall".

Além do trabalho como atriz, Maria Luiza também tem um ateliê em São Paulo em que faz projetos voltados para as artes plásticas, visuais e cênicas.

A atriz falou da personagem

Em outubro de 2023, Maria Luisa falou para O Globo sobre a importância da personagem Buba em sua vida.

"Foi muito legal porque jogou luz sobre um assunto que não era falado. E o silêncio é sempre opressor. Eu tive retornos muito bonitos de pessoas me agradecendo por levantar esse debate e dizendo até que eu salvei a vida delas. Ao mesmo tempo, houve um incômodo em parte da sociedade, principalmente em homens héteros. Havia um deboche, um preconceito. Eu, como uma mulher cis, pude ter um pouco da dimensão da violência que pessoas daquele grupo sofrem", Maria Luísa Mendonça.

Ela ainda enfatizou que ficou feliz que na versão de Bruno Luperi, o autor chamou a atriz trans Gabriela Medeiros.

"Fiquei feliz em saber que desta vez será uma personagem trans com uma intérprete trans, que tem o lugar de fala. Isso é um grande avanço. Espero que a história seja abordada de uma forma com que ela possa se expressar de fato, e que as pessoas ouçam o que ela tem a dizer".

Continua após a publicidade

Diferença das personagens

No X (antigo Twitter) alguns telespectadores comentaram a respeito da mudança no enredo. "Na versão original, Buba era colocada como hermafrodita, termo que não é mais usado e, sim, intersexo. Luperi quis mudar porque disse que o público ia 'entender melhor' sendo trans", escreveu um internauta.

Assim como no remake, a personagem tinha um caso com o filho de José Inocêncio, que era casado com Eliana, vivida por Patrícia Pillar em 1993, e agora por Sophie Charlotte. Na trama original, Buba era chamada de hermafrodita, mas essa palavra não é mais usada nos dias atuais.

Maria Luísa Mendonça e Marco Ricca em 'Renascer' de 1993
Maria Luísa Mendonça e Marco Ricca em 'Renascer' de 1993 Imagem: Reprodução/Globo

Intersexuais nascem com características sexuais, padrões cromossômicos e glândulas, como testículos e ovários, que não se encaixam nas noções binárias típicas de corpos masculinos ou femininos. Já transexual é uma pessoa que não se identifica com o sexo biológico que lhe foi atribuído ao nascer.

Em entrevista ao Gshow, Bruno Luperi, autor do remake, falou sobre a mudança: "A Buba ser uma pessoa intersexo na primeira versão foi um assunto muito bem estabelecido, muito bem colocado e que trouxe muitos avanços. A necessidade de uma nova leitura sobre aquilo, diante do cenário de hoje, na minha concepção, se mostrou importante. A ideia não é tirar uma questão, mas sim adicionar novas camadas e trazer o assunto da diversidade, o assunto de gênero sob uma nova perspectiva que permita que mais discussões sejam feitas".

Continua após a publicidade
Buba na 1ª e na 2ª versão de 'Renascer'
Buba na 1ª e na 2ª versão de 'Renascer' Imagem: Memória Globo e Gabriel Vazzoler

A novela "Renascer", escrita por Bruno Luperi, vai ao ar de segunda a sábado, às 21h20, na Globo. Confira o resumo dos capítulos completos aqui.

Deixe seu comentário

Só para assinantes