PUBLICIDADE
Topo

Zé Elias discutiu com Telê Santana na TV após reclamação por ser violento

Do UOL, em São Paulo

07/08/2020 04h00

Promovido ao time principal do Corinthians aos 16 anos, Zé Elias conseguiu se firmar, mas ganhou fama de violento, razão pela qual teve uma discussão no ar com o técnico Telê Santana, bicampeão mundial no comando do São Paulo. Durante o Cartão Verde, da TV Cultura, o treinador aconselhou o então atleta corintiano, que rebateu a crítica ao vivo.

Durante o programa Os Canalhas, em entrevista aos jornalistas João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana, Zé Elias lembrou da situação e de como Telê mudou de comportamento após a discussão, quando o programa foi para o intervalo.

"O Telê pegou no meu pé o programa inteiro, falando que eu era violento, que eu não devia bater, que eu não ia fazer isso. Aí teve uma hora que eu discuti com ele, falei 'se eu sou tão violento, se eu jogo dessa forma, por que o senhor joga então com o Luís Carlos Goiano e com o Dinho no meio-campo? Tira os dois e põe centroavante", conta o ex-jogador.

"Nós discutimos no programa, e aí foi para o intervalo, ele pegou na minha mão e falou assim: 'garoto, continua assim que você está jogando bem para caramba'. Eu olhei assim para ele e falei 'puxa vida'. Foi esse episódio que aconteceu, que eu não me esqueço, foi um prazer, mas talvez acho que ele pelo fato de não ter liberdade comigo, talvez ele tenha tentado me mostrar uma situação que depois, logo depois me ajudaria, que seria jogar futebol", completa Zé Elias.

O então jovem atleta precisou refletir mesmo sobre a carreira mais adiante e conseguiu se recuperar com os conselhos dados por Jair Pereira, no Corinthians, para deslanchar no clube e depois fazer sua carreira internacional com passagens importantes pelo Bayer Leverkusen, da Alemanha, Inter de Milão, na Itália, entre outros.

"O Jair Pereira que me ajudou muito na recuperação da minha carreira em 1994, porque eu passei um período, o primeiro semestre de 1994 com alguns problemas com o Carlos Alberto Silva e aquela história que eu falei sobre os treinadores falarem 'vai jogar' e você não consegue dosar porque o treinador te instiga tanto que você quer explodir o mundo, você quer matar todo mundo. E o Jair conseguiu me colocar nos trilhos e aí eu ganhei a Bola de Prata", conta Zé Elias.

"Talvez, acho que ele [Telê] teve a intenção ali de me avisar, mas aí o Jair Pereira abriu os meus olhos e eu consegui colocar minha carreira de novo nos trilhos", conclui.

Os Canalhas: Quando e onde?

O programa Os Canalhas vai ao ar toda terça-feira, às 14h, em transmissão ao vivo, disponível na home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte no Youtube e no Facebook e Twitter, com os jornalistas João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana entrevistando personalidades importantes do esporte brasileiro. Inscreva-se no canal Os Canalhas no Youtube para conferir mais de João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana.