PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Cruzeiro engata maior série de vitórias desde rebaixamento; veja números

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

28/05/2022 11h30

Cruzeiro Foto: Cruzeiro/StaffImages/Divulgação

O Cruzeiro venceu mais uma partida na temporada de 2022. Nessa sexta-feira (27), a Raposa enfrentou o Criciúma, em Santa Catarina, e saiu de campo com mais três pontos na Série B do Campeonato Brasileiro ao ganhar por 1 a 0, com gol de Jajá. O time celeste chegou a sua sétima vitória seguida, maior sequência vitoriosa desde o rebaixamento, em 2019.

Ao todo, foram seis vitórias pela segunda divisão nacional e uma pela Copa do Brasil, com o Cruzeiro vencendo, em sequência, Londrina, Chapecoense, Grêmio, Remo, Náutico, Sampaio Corrêa e, agora, Criciúma. Dessas partidas, quatro delas foram disputas em território mineiro. As demais três foram fora de casa - contra Chape, Náutico e Criciúma.

Veja também: Atuações ENM: Jajá marca no fim e garante vitória do Cruzeiro; veja notas

Com as sete vitórias, o time treinado por Paulo Pezzolano ultrapassou a marca do Cruzeiro de Enderson Moreira, em 2020, que chegou a seis jogos entre Campeonato Mineiro e Série B. Na época, o Cruzeiro superou URT, Caldense, Patrocinense, Botafogo-SP, Guarani e Figueirense, sendo os duelos contra Caldense, Guarani e Figueirense disputados fora de casa.

Além da sequência de vitórias, marca expressiva na tão sonhada busca pelo acesso, outros números apontam a boa campanha do Cruzeiro na Série B - 81,4% de aproveitamento. Com a vitória diante do Criciúma, a Raposa alcançou os 22 pontos, disparando ainda mais na liderança e ultrapassando, em apenas nove jogos, a pontuação conquistada pela Raposa em todo o primeiro turno em 2021.

Na temporada, os números também são bons. Com Paulo Pezzolano no comando, o Cruzeiro entrou em campo em 26 partidas e venceu 19 delas, um triunfo a mais do que a equipe conquistou em todos os 55 confrontos disputados no ano passado.

Para saber tudo sobre o Cruzeiro, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Futebol