PUBLICIDADE
Topo

Liverpool

Liverpool consegue virada épica sobre o Aston Villa; City também vence

Mané comemora gol do Liverpool na vitória sobre o Aston Villa - Craig Brough/Reuters
Mané comemora gol do Liverpool na vitória sobre o Aston Villa Imagem: Craig Brough/Reuters

02/11/2019 16h35

O Liverpool deu mais uma demonstração de força hoje ao superar de virada o Aston Villa, fora de casa, por 2 a 1. Com a vitória, o time comandado por Jurgen Klopp manteve a distância de seis pontos no Campeonato Inglês para o Manchester City, que também venceu de virada na rodada: 2 a 1 em cima do Southampton.

O gol decisivo veio aos 49 minutos da etapa final com Sadio. O Liverpool perdia por 1 a 0 até os 42 minutos, quando Robertson empatou.

Porém, no começo do jogo,o Aston Villa não se intimidou e abriu o placar aos 21 do primeiro tempo, graças a gol do atacante egípcio Trezéguet, em lance que foi revisado pelo VAR, antes de validado.

Sempre dominante, os 'Reds' criaram muitas oportunidades, mas só empataram aos 42 da etapa complementar, em cabeçada do lateral-esquerdo escocês Andrew Robertson. Nos acréscimos, aos 49, o atacante senegalês Sadio Mané, autor da assistência do primeiro gol, balançou a rede e deu números finais ao duelo.

O time do goleiro Alisson, do atacante Roberto Firmino e do volante Fabinho - que não atuou por opção do técnico alemão Jürgen Klopp -, chegou aos 31 pontos e se manteve seis na frente do Manchester City. O Aston Villa, do meia Douglas Luiz e do atacante Wesley, ambos titulares, tem 11 e está em 16º.

City vence

Os comandados pelo espanhol Josep Guardiola chegaram a 25 pontos na vitória sobre o Southampton por 2 a 1, em casa, em partida complicada contra um adversário que vinha de derrota no Inglês para o Leicester por 9 a 0, em casa, e para os próprios 'Citizens', que atuaram com muitos reservas em vitória por 3 a 1, pela Copa da Liga.

O meia inglês James Ward-Prowse abriu o placar aos 13 do primeiro tempo, em rebote dado pelo goleiro Ederson. Na etapa complementar, o atacante argentino Sergio Agüero, aos 25, e o lateral-direito inglês Kyle Walker, aos 41, reverteram o marcador para o time de Fernandinho e Gabriel Jesus, que atuaram neste sábado.

Na abertura da rodada, o Manchester United voltou a decepcionar o torcedor ao perder para o Bournemouth por 1 a 0, fora de casa. O gol solitário da partida foi marcado pelo atacante norueguês Joshua King, que se profissionalizou nos Diabos Vermelhos, embora não tenha atuado pela equipe principal, nos acréscimos do primeiro tempo.

Os anfitriões ocupam a sétima posição na tabela, com 16 pontos, enquanto o United aparece no décimo posto, com três pontos a menos.

O Arsenal desperdiçou chance de se aproximar da zona de classificação da Liga dos Campeões, ao empatar em casa com o Wolverhampton em 1 a 1. O atacante gabonês Pierre-Emerick Aubameyang abriu o placar na etapa inicial, mas o atacante mexicano Raúl Jiménez igualou depois do intervalo.

O recém-ascendido Sheffield United segue surpreendendo na competição e, hoje, passou pelo Burnley por 3 a 0, em casa. O Brighton, também como anfitrião, bateu o vice-lanterna, Norwich, por 2 a 0. Já o Newcastle se afastou da zona de rebaixamento ao derrotar o West Ham, em Londres, por 3 a 2.

Liverpool