Topo

Esporte


Dana afirma que revanche de Khabib e McGregor é "absolutamente possível"

Khabib Nurmagomedov venceu o primeiro duelo contra Conor McGregor - Harry How/Getty Images
Khabib Nurmagomedov venceu o primeiro duelo contra Conor McGregor Imagem: Harry How/Getty Images

Ag. Fight

26/07/2019 11h19

As duas maiores estrelas do peso leve (70 kg) ainda devem se encontrar novamente. E quem indica isso é Dana White, presidente do UFC. Segundo ele, haveria muito dinheiro envolvido em uma potencial revanche entre Khabib Nurmagomedov e Conor McGregor, o que é um fator determinante para a realização de grandes lutas.

Comentando o fato de que o irlandês ainda não lutou desde que perdeu para Khabib, Dana voltou a afirmar que o combate entre Nurmagomedov e Dustin Poirier, pela unificação dos cinturões dos leves, será fundamental para que o horizonte da divisão se clareie. O dirigente ainda declarou que McGregor está sempre pronto para um duelo pelo Ultimate, o que facilita uma negociação.

"Seria uma luta enorme e é absolutamente possível, sim. Acho que McGregor vai voltar no início do ano que vem. Então, realisticamente, todos esses caras estão olhando para setembro, para ver o que acontece com Khabib e Poirier. Depois que esta luta acontecer, acho que vai haver muita movimentação. Em defesa de Conor, você não o vê por aí fazendo filmes. Se você olhar para ele, ele está em grande forma, mantendo-se em forma, treinando e vendo como as coisas estão acontecendo. (...) Toda vez que há muito dinheiro envolvido, aposte que vai acontecer", falou White, em entrevista ao programa "The Rich Eisen Show".

O cartola ainda comentou o panorama atual dos pesos leves, com vários grandes nomes nas melhores posições do ranking. Ele ainda lembrou o insistente desejo de Nurmagomedov sobre enfrentar Georges St-Pierre.

"É uma categoria muito interessante, porque você tem Khabib, Tony Ferguson, Conor McGregor, Donald Cerrone está no bolo, Justin Gaethje - há muitas lutas incríveis na categoria, e Khabib continua falando sobre enfrentar St. Pierre. St-Pierre se aposentou, mas ele basicamente disse que não teria se aposentado se pudesse enfrentar Khabib. Então, há muitas coisas diferentes, loucas, interessantes que podemos fazer naquela categoria", finalizou.

Mais Esporte