Comitê Paralímpico estreia parceria de material esportivo no Parapan

O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) tem um novo parceiro para sua participação nos Jogos Parapan-Americanos de Santiago-2023, que terão amanhã (17) sua cerimônia de abertura. A Asics fechou um patrocínio com a entidade, que se iniciará durante o evento em terras chilenas e se estenderá até os Jogos Paralímpicos de Paris-2024.

"O Comitê Paralímpico Brasileiro tem por premissa se aliar aos maiores players do mercado e este vínculo com a Asics ratifica nossa vocação de estarmos entre os melhores do mundo. A técnica, força, resistência, habilidade, resiliência dos atletas paralímpicos brasileiros aliados aos produtos da Asics resultam numa união incrível que, temos certeza, renderá ótimos frutos para todos nós do movimento paralímpico", disse Mizael Conrado, presidente do CPB.

Parceria no Parapan

Para o início da parceria, a Asics disponibilizou o tênis GEL-Meteora para os membros da delegação brasileira. Cerca de cem atletas brasileiros estão em Santiago desde domingo, quando desembarcaram portando os calçados da marca. Para Paris-2024, o patrocínio incluirá uniforme completo com vestuário, calçado e acessórios para a delegação brasileira. Além disso, haverá uniformes próprios para as modalidades de atletismo e vôlei sentado.

Durante o Parapan, a Asics também promoverá ativações de marca na Casa Brasil Paralímpico, local onde todos os atletas são recebidos durante a competição. Nos Jogos Parapan-Americanos de Lima-2019, o Brasil fez história conquistando 308 medalhas, marca nunca alcançada por um país em uma única edição. Em Santiago, a expectativa é aumentar esse recorde. Pensando nisso, para coroar este momento especial, a Asics preparou um presente para todos os medalhistas e irá entregá-lo também na Casa Brasil.

Asics e o esporte paralímpico

"É com grande orgulho e entusiasmo que anunciamos nossa parceria com o CPB, reforçando ainda mais os valores da Asics e o compromisso que temos em trazer para todas as esferas nossa filosofia de uma mente sã em um corpo são. Acreditamos que o esporte é uma plataforma poderosa para inspirar, unir e promover a inclusão. Apoiar o esporte e os atletas paralímpicos é fundamental para que consigamos traduzir de fato essa mensagem em ações concretas", comentou Alexandre Fiorati, presidente e CEO da Asics América Latina.

Por fim, vale destacar que, desde 2021, a Asics patrocina um time de atletas paralímpicos brasileiros. O grupo conta com Edwarda Oliveira (vôlei sentado e parabadminton), Luiza Fiorese (vôlei sentado), Gustavo Carneiro (tênis de cadeira de rodas) e Vinicius Rodrigues (paratletismo). Além disso, a marca fornece material para o Comitê Olímpico e Paralímpico do Japão, o seu país de origem.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes