PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Italo empata, mas avança à semi em Saquarema; Filipinho também vence

Italo Ferreira, durante a etapa de Saquarema do Circuito Mundial de Surfe - Thiago Diz/World Surf League
Italo Ferreira, durante a etapa de Saquarema do Circuito Mundial de Surfe Imagem: Thiago Diz/World Surf League

Gustavo Setti

Do UOL, em Saquarema (RJ)

27/06/2022 11h25Atualizada em 27/06/2022 17h34

Italo Ferreira está nas semifinais da etapa brasileira do Circuito Mundial de Surfe, que terá um campeão do Brasil já que todos os semifinalistas são brasileiros. O campeão olímpico empatou nas quartas de final em Saquarema (RJ) com o compatriota Miguel Pupo com 13,34 pontos combinados, mas avançou por ter tirado a nota mais alta (8,17).

Depois de uma bateria emocionante até o último minuto, ele agora encara justamente Samuel Pupo, irmão de Miguel, que bateu Mateus Herdy nas quartas.

Durante os primeiros minutos do confronto, os surfistas ficaram se alterando na liderança até que Miguel abriu vantagem em sua quarta onda, que rendeu a ele 7,67 como nota. Com isso, Italo precisava recuperar a diferença e, faltando quatro minutos, estava a 8,17 pontos de distância do compatriota.

Foi então que o medalhista olímpico mandou um aéreo giratório e cravou exatamente o que precisava, avançando por ter tirado a maior nota da bateria. Esta foi a segunda vitória de Italo no dia. Mais cedo, o campeão mundial de 2019 bateu seu compatriota Michael Rodrigues nas oitavas de final.

Classificado para o Finals, Filipinho também vence

Outro brasileiro garantido na semifinal é Filipe Toledo. O líder do ranking mundial dominou o australiano Connor O'Leary e venceu com tranquilidade.

Filipinho conseguiu um 8,60 em sua terceira tentativa que encaminhou a vitória. Somado a um 6,50, sua segunda melhor onda, ele ficou com 15,10 pontos no somatório, contra 8,94 de O'Leary.

O líder do ranking agora enfrentará o compatriota Yago Dora na semifinal. Último brasileiro a entrar no mar nas quartas, Dora venceu o australiano Callum Robson, que eliminou Medina na repescagem, com mais do que o dobro da pontuação (14,17 a 7,00).

Antes de cair na água pelas quartas de final, Filipinho confirmou sua vaga no WSL Finals, que decidirá o campeão mundial de 2022. Ele tem lugar assegurado entre os cinco primeiros do ranking, que disputarão a grande final em setembro, em Trestles, nos Estados Unidos.

Filipinho confirmou sua vaga no Finals porque o australiano Ethan Ewing, então sétimo colocado antes da etapa brasileira do Circuito, perdeu nas oitavas de Saquarema para o brasileiro Yago Dora.

Desta forma, Toledo não pode mais ser ultrapassado pelo sexto do ranking, que será conhecido após o evento de Saquarema.

Esporte