PUBLICIDADE
Topo

Basquete

Astro do basquete universitário dos EUA é assassinado aos 21 anos

Darius Lee, ex-atleta de um time de Sullivan e que estava no Houston Baptist, morreu após tomar um tiro no peito - Reprodução/Instagram
Darius Lee, ex-atleta de um time de Sullivan e que estava no Houston Baptist, morreu após tomar um tiro no peito Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

20/06/2022 18h08

O jovem Darius Lee, que vinha se destacando no basquete universitário dos EUA, foi morto a tiros nesta madrugada em Nova York. Ele tinha apenas 21 anos.

De acordo com Houston Baptist, time do atleta, o assassinato aconteceu em meio a um encontro ocorrido no bairro de Harlem, um dos mais conhecidos da cidade de Manhattan.

A equipe não deu mais detalhes sobre a tragédia, mas a ESPN informou que Lee e outras oito pessoas (seis homens e duas mulheres) que também foram atingidas pelos tiros estavam em uma trilha na região da FDR Drive.

O autor do crime ainda é procurado pela polícia e as investigações seguem em andamento — ninguém acabou preso até o momento e uma arma foi apreendida.

Lee, que foi alvejado na região do peito, chegou a ser socorrido e encaminhado para um hospital mais próximo, mas não resistiu aos ferimentos pouco depois.

"Estamos em choque e não podemos entender essa notícia. Meu coração se parte por sua mãe, por sua irmã, por toda a sua família e por nosso time de basquete. A única coisa que nos conforta agora é saber onde está Darius: ele está nos braços de Jesus. Sabemos disso como um fato. E nós o veremos novamente algum dia", lamentou James Sears Bryant, técnico do jovem jogador, em comunicado.

Darius Lee se formaria em dezembro em gestão esportiva e, recentemente, foi nomeado o atleta do ano na equipe sediada no Texas. Antes do Houston, ele jogou em uma equipe de Sullivan, condado de Nova York.

Basquete