PUBLICIDADE
Topo

'Assinar com Balotelli foi um erro', admite presidente do Brescia

Balotelli foi um erro para o Brescia, segundo o presidente do clube, Massimo Cellino - Divulgação/Brescia
Balotelli foi um erro para o Brescia, segundo o presidente do clube, Massimo Cellino Imagem: Divulgação/Brescia

29/05/2020 09h28

Classificação e Jogos

A chegada de Mario Balotelli ao Brescia foi cercada de expectativa. No entanto, em declaração à 'World Football Show' da BBC, o presidente do clube, Massimo Cellino, fez duras críticas ao comportamento do atacante. Segundo o mandatário, o italiano falta aos treinos e não está comprometido com a equipe.

"Ele não aparece nos treinos, não parece muito comprometido com o futuro do clube. Esse é o problema. Balotelli tem um ótimo contrato na Série A, mas ele não tem contrato na Série B. Se desistirmos, ele não terá nenhum contrato com o Brescia", disse o mandatário.

Enquanto o Brescia afunda na tabela, sendo o atual lanterna do Campeonato Italiano, com apenas 16 pontos em 26 jogos, Balotelli marcou apenas cinco gols nos 19 jogos que participou. Dessa forma, Cellino assumiu a culpa por ter contratado o atacante.

"Acho que os dois lados cometeram um erro. Pensei que, ao chegar a Brescia, sua cidade, ele se comprometesse. Ao mesmo tempo, acho que meu treinador anterior (Eugenio Corini) o tratou incorretamente. Aparentemente, a maneira como ele age mostra que ele não quer mais ficar na Itália", afirmou.

Na última quarta, segundo informações do jornal "Corriere dello Sport", o destino do polêmico atacante pode ser o Brasil. A publicação também afirmou que alguns empresários ofereceram o centroavante a clubes brasileiros e ainda mencionou que Botafogo, Flamengo e Vasco são os principais interessados no atleta de 29 anos.