PUBLICIDADE
Topo

Santos mantém cautela quanto ao retorno das atividades e comunica atletas que não prevê volta em junho

27/05/2020 21h45

O Santos enviou um comunicado para funcionários e atletas afirmando que não há previsão para o retorno dos treinamentos em junho.

A informação foi divulgada inicialmente pelo "Globoesporte.com" e confirmada pelo LANCE!.

Internamente, estimava-se a possibilidade, embora com cautela, já que o clube tem seguido as diretrizes indicas pela Federação Paulista de Futebol. Na noite desta quarta-feira houve uma reunião entre os responsáveis médicos da entidade e dos clubes. A FPF está alinhada com o comitê de crise do coronavírus do Estado de São Paulo e a Secretaria Estadual de Saúde.

No início da tarde, o governador de São Paulo, João Dória (PSDB) anunciou um processo de "retomada consciente" para a maioria das cidades paulistas a partir do dia 1ª de junho. No entanto, a Baixada Santista, assim como municípios do Litoral Sul, Vale do Ribeira e Grande São Paulo, estão na "zona vermelha", onde será mantido o nível de restrição atual, apenas com a reabertura da indústria e a construção civil. Por sua vez, a cidade de São Paulo encontra-se na fase de dois, onde será permitido algumas atividades, como imobiliárias, concessionárias de veículos, shoppings etc.

Os quatro grandes time de São Paulo estão alinhados na defesa pela continuidade da paralisação do futebol. No entanto, a partir do próximo mês as condições das cidades ondes estão sediados Corinthians, Palmeiras e São Paulo estará diferente em relação ao Santos.

Confira o comunicado enviado a atletas e jogadores na íntegra:

"O Santos Futebol Clube comunica aos seus funcionários, atletas e colaboradores que ainda não há previsão de retorno para as atividades futebolísticas e presenciais no mês de junho.

O clube seguirá aguardando as recomendações do Governo do Estado de São Paulo e do Ministério da Saúde

Caso haja alguma alteração ou novidade pertinente, será comunicada previamente".

Futebol