PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Jornal diz que Neymar se recusou a participar de treino no PSG

Sascha SCHÜRMANN / AFP
Imagem: Sascha SCHÜRMANN / AFP

Neymar protagonizou mais uma polêmica no Paris Saint-Germain e, segundo o "L'Equipe", o brasileiro se recusou a treinar com o elenco após o time da capital ter vencido o Dijon por 6 a 1 pela Copa da França, no último dia 12 de fevereiro.

O atacante não participou da atividade devido ao técnico Thomas Tuchel não ter confirmado que ele jogaria na Liga dos Campeões contra o Borussia Dortmund.

As declarações do comandante alemão deixaram a estrela do PSG chateada, pois o treinador havia dito que Neymar não estava jogando devido a lesão sofrida nas costas no início do mês. Após a partida pelo maior torneio de futebol da Europa, o craque já havia demonstrado insatisfação ao dizer que estaria pronto para atuar em outros jogos, mas que a decisão foi única do departamento médico do clube francês.

De acordo com as informações do diário de Paris, o brasileiro estava programado para treinar com parte do elenco que não havia atuado contra o Dijon. No entanto, quando foi convocado para ir ao campo, Neymar disse que 'estava descansando' e não compareceu ao treinamento.

As relações entre o atacante e o técnico do PSG não são das mais amigáveis e esse é um dos principais fatores que colocam o camisa 10 em diversas novelas com possibilidades de ser transferido na próxima janela de transferências.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que foi informado no último parágrafo, Neymar é o camisa 10 do PSG, e não 11. O erro foi corrigido.

Futebol