PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Al-Hilal e Espérance duelam para saber quem pega o Flamengo no Mundial de Clubes de Fifa

13/12/2019 15h34

Neste sábado, o Flamengo vai saber quem será o seu adversário na semifinal do Mundial de Clubes da Fifa. A partir de 11h (de Brasília), o Al-Hilal, campeão asiático, enfrenta o Espérance de Tunis, campeão africano, nas quartas de finais da competição, no Jassim Bin Hamad Stadium, em Doha.

AGRADECIDO?

O Al-Hilal chega com o favoritismo para o jogo deste sábado, já que conta com nomes conhecidos na equipe como Gustavo Cuéllar, ex-Flamengo, o atacante francês Bafétimbi Gomis, ex-Swansea, Lyon e Olympique de Marseille, Sebastian Giovinco, ex-Juventus, Carlos Eduardo, ex-Fluminense, e André Carillo, meia-atacante da seleção peruana.

?Além dos nomes conhecidos dentro de campo, o Al-Hilal recentemente foi treinado por ninguém menos do que Jorge Jesus, atual treinador do Flamengo. E sobre a passagem do 'Mister' pelo time árabe, o atual comandante da equipe, Razvan Lucescu, falou sobre na entrevista coletiva desta sexta-feira em tom irônico.

- É um time que foi formado ao longo de cinco Champions League em que esteve nas fases decisivas. Isso envolve muitos jogadores e treinadores, como Ramón Diaz e outros, não só Jorge Jesus. O Mister Jesus é um dos principais treinadores do mundo atualmente, ajudou na construção deste time, e temos que dizer obrigado - disse.

PARA FAZER UMA CAMPANHA MELHOR

Campeão da África, o Espérance de Tunis chega como azarão para a partida deste sábado, e tentará surpreender o Al-Hilal para conseguir chegar nas semifinais do Mundial para enfrentar o Flamengo. Na sua segunda participação no torneio, o time tunisiano vai tentar superar a campanha do ano passado, quando foi eliminado justamente nesta fase inicial.

- Este é o primeiro jogo para nós, e o objetivo final é alcançar o sucesso na próxima partida. Al-Hilal é uma equipe bem respeitada. Eles têm jogadores de classe mundial e atacantes muito talentosos. Para o Espérance, esta é a segunda participação no Mundial de Clubes. Infelizmente, não vencemos a primeira partida e fomos eliminados. Desta vez, estamos mais concentrados e prontos para jogar uma boa partida - destacou o técnico da equipe, Moin Chaabani.

Futebol