PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Conselho Deliberativo do Flamengo indefere pedido de prioridade para sócios na compra de ingressos

30/09/2019 20h15

O presidente do Conselho Deliberativo do Flamengo, Antonio Alcides, indeferiu o pedido protocolado nesta segunda-feira, por um grupo de conselheiros, solicitando a prioridade na compra de ingressos para todos os sócios do clube, antes da abertura para os sócios-torcedores, que, hoje, passam os 150 mil.

A informação foi inicialmente publicada pelo jornal "O Globo". Ao todo, o documento foi assinado por 81 sócios. Antonio Alcides não levará a proposta à comissão de estatuto do Conselho Deliberativo, porém, a mesma ainda pode ser levada a Rodolfo Landim, presidente do Conselho Diretor do Flamengo.

O mandatário rubro-negro esteve em Luque, no Paraguai, nesta segunda-feira, participando de encontro na sede da Conmebol antes do início das semifinais da Copa Libertadores, mas uma proposta foi enviada a seu escritório na Gávea.

A oferta solicita que sócios de todas categorias do clube (Grande-Beneme?rito, Beneme?rito, Eme?rito, Remido, Laureado, Proprieta?rio, Patrimonial e Contribuinte) terão "sempre prioridade exclusiva para compra e aquisição de ingressos comercializados direta ou indiretamente" pelo Flamengo, além da garantia dos "melhores descontos eventualmente praticados" na venda dos ingressos, diz o documento, segundo "O Globo".

Atualmente, a prioridade na venda de ingressos para partidas com mando de campo do Flamengo é de acordo com o plano dos sócios-torcedores. O "+ Paixão", que custa R$ 269 por mês ao torcedor, dá prioridade 1 ao associado.

Futebol