PUBLICIDADE
Topo

Santos

Santos atravessa sua pior campanha como visitante no Brasileirão desde 2015

Jogadores do Santos durante entrada em campo para partida contra o Atletico-MG - Fernanda Luz/AGIF
Jogadores do Santos durante entrada em campo para partida contra o Atletico-MG Imagem: Fernanda Luz/AGIF

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

05/12/2021 05h00

Classificação e Jogos

Nesta segunda-feira, 06, o Santos encerra a sua participação como visitante no Campeonato Brasileiro, no duelo contra o Flamengo, pela 37ª rodada. E jogar longe de seus domínios nesta edição do Nacional não vem sendo sinônimo de alegria para o torcedor, pelo contrário.

Das 18 partidas que o Peixe atuou fora de casa, foram oito derrotas, oito empates e somente duas vitórias, além de 13 gols feitos e 26 sofridos. O aproveitamento, portanto, é de apenas 25,9%. Com esses número, a equipe paulista tem o sexto pior desempenho como visitante dentre todos os times da Série A, ficando a frente de Sport, Juventude, Ceará, Grêmio e Chapecoense.

Dessa forma, o Alvinegro Praiano atravessa sua pior campanha longe de seus domínios desde 2015, quando a então equipe do técnico Dorival Jr encerrou o Brasileirão com apenas 10 tentos como visitante.

Desde então, o pior número registrado foi em 2018, com 17 pontos. Ou seja, caso o Santos vença o Flamengo nesta segunda-feira, iguala essa campanha. A diferença, porém, é que em 2017 foram quatro triunfos, enquanto em 2021 o clube chegará no máximo a três.

Já o melhor desempenho foi em 2019, quando o Peixe ficou com o vice-campeonato. Na ocasião, o time treinado por Jorge Sampaoli conquistou 28 pontos como visitante, encerrando o torneio com o terceiro melhor aproveitamento longe de seus domínios.

Santos