PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Executivo do Santos comenta situação de Tardelli: "Criminosos serão identificados e penalizados"

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

16/09/2021 13h55

André Mazzuco, executivo de futebol do Santos, comentou sobre a situação de Diego Tardelli em entrevista coletiva virtual nesta quinta-feira.

Tardelli foi cercado por um grupo de pessoas após a eliminação do Peixe para o Athletico, na Copa do Brasil, na última terça. Ele teve o carro depredado e foi ameaçado. Um boletim de ocorrência foi registrado na quarta. 

Mazzuco fez um longo discurso e pediu responsabilidade para torcida e imprensa.

"Importante deixar claro que dissociamos totalmente a torcida do Santos desse ato criminoso de bandidos. Não é a torcida do Santos. Não é papel de torcedor em qualquer clube. Papel é comemorar e protestar nos momentos ruins, como esse. Não aceitamos de forma alguma. Colocamos as autoridades para cuidar dessa situação. São criminosos que serão identificados e penalizados. Qualquer emboscada, perseguição, ameaça, depredação... Não toleramos e ninguém deve tolerar. Vivemos hoje a potencialização do ódio na sociedade. Sofremos disso no futebol e em tudo, já que é reflexo da sociedade. É uma doença que precisamos controlar", disse o executivo.

"A rede social é presente na vida de todos, principalmente na nova geração. É muito importante deixar claro que tudo gera consequência. Responsabilidade maior no que falam, escrevem, divulgam. Temos que justificar o que não é verdade o tempo todo. No futebol, sabemos lidar melhor com isso. Talvez estejamos mais preparados para não dar bola, mas temos família e amigos. E todos que acabam lendo. E isso pode não nos atingir diretamente, mas atinge quem está ao nosso redor. Temos muito bons jornalistas, mas cada vez mais precisam ajudar, assim como os influencers. Todos precisam ter cuidado. Qualquer coisa que se escreve é espalhada. Quem tem 10 seguidores pode propagar para mil. Crítica pode ser feita, opinião dada, mas temos que pensar melhor no que falamos. Faço esse discurso aqui para que as pessoas fiquem mais atentas, com mais responsabilidade no que é feito. Não podemos desmentir diariamente a mentira que já se espalhou. Sobre o Tardelli, ele tem total apoio do Santos, é um cara fantástico, ser humano especial. Todo suporte está sendo dado. Que não tenhamos mais casos e, se tivermos, que sejam tratados como crime", completou.

Aos 36 anos, Diego Tardelli estreou justamente contra o Athletico. Ele tem contrato até 31 de dezembro de 2021.

Futebol