PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Pacaembu passa por obras e tobogã será demolido

Visão geral do estádio do Pacaembu, a partir do tobogã - Ricardo Nogueira/Folhapress
Visão geral do estádio do Pacaembu, a partir do tobogã Imagem: Ricardo Nogueira/Folhapress

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

29/06/2021 09h42

Nesta segunda-feira, a Concessionária Allegra Pacaembu iniciou as novas reformas no Complexo Pacaembu. A empresa ressalta que o objetivo das mudanças é elevar o nível de conforto e segurança. A Concessionária assumiu a gestão do Complexo em janeiro de 2020, por 35 anos, e prevê investir cerca de R$ 400 milhões no equipamento público tombado.

Uma das alterações será a demolição da arquibancada Sul, conhecida como tobogã.

"No lugar do tobogã será construído um edifício multifuncional, com espaços pensados para proporcionar experiências únicas, diferente do que São Paulo conhece", afirmou a Concessionária.

As arquibancadas Leste e Oeste também sofreram alterações. Serão criadas novas áreas internas, banheiros e lanchonetes, além de uma arena de eSports (esportes eletrônicos). Outras reformas no estádio acontecerão na fachada e na arquibancada Norte, que irão passar por processo de restauração.

"Nosso desejo é manter viva a história do Pacaembu. Essa obra será executada com todo zelo e respeito ao patrimônio, orientada para o futuro, iniciando uma nova fase desse ícone de São Paulo. O projeto entregará aos paulistanos um espaço público mais democrático, plural e acessível, resgatando os pilares originais de cultura e lazer, além de potencializar o seu uso esportivo", afirma Eduardo Barella, CEO da Allegra Pacaembu.

Futebol