PUBLICIDADE
Topo

Corinthians

Sylvinho tem pior início dentre os últimos cinco técnicos do Corinthians

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

14/06/2021 06h00

Classificação e Jogos

Sylvinho não completou nem três semanas como técnico do Corinthians, mas já está sentido a pressão da torcida alvinegra por resultados. Em cinco jogos, o ex-lateral conquistou apenas uma vitória e ainda foi eliminado precocemente da Copa do Brasil. O início é o pior dentre os últimos cinco treinadores contratados pelo clube.

Com um triunfo, dois empates e duas derrotas, Sylvinho possui um aproveitamento de 33,3% dos pontos disputados como comandante do Corinthians. No período, a equipe marcou somente dois gols e foi vazada quatro vezes.

O começo do ex-jogador é inferior ao dos últimos quatro técnicos do time do Parque São Jorge. Vagner Mancini, antecessor de Sylvinho, somou três vitórias e duas derrotas em seus primeiros cinco compromissos, tendo aproveitamento de 60%. Já Tiago Nunes, primeiro treinador em 2020, teve dois triunfos, um empate e dois reveses, aproveitamento de 46,6%.

Em sua segunda passagem como comandante alvinegro, em 2019, Fábio Carille teve o mesmo início de Tiago Nunes. As oscilações em um primeiro momento, no entanto, não impediram que o clube conquistasse o tricampeonato paulista consecutivo naquele ano.

Quem também começou melhor do que Sylvinho foi Jair Ventura, último técnico do Corinthians em 2018. Com duas vitórias, dois empates e uma derrota, o atual treinador da Chapecoense teve 53,3% de aproveitamento após os cinco primeiros desafios.

Osmar Loss, por outro lado, foi o último técnico corintiano a ter um início pior que o de Sylvinho. Em 2018, o ex-auxiliar do clube obteve um triunfo, um empate e três derrotas, aproveitamento de apenas 26,6%.

O próximo compromisso do Corinthians de Sylvinho será na quarta-feira. Pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, o Timão recebe o Red Bull Bragantino, às 20h30 (de Brasília), na Neo Química Arena.

Corinthians