PUBLICIDADE
Topo

Futebol

O que está atrapalhando Hugo Souza? Ex-goleiros do Flamengo opinam

Hugo Souza em ação pelo Flamengo, em partida contra o Vasco, no Maracanã - Thiago Ribeiro/AGIF
Hugo Souza em ação pelo Flamengo, em partida contra o Vasco, no Maracanã Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Flavio Latif

Do UOL, em São Paulo (SP)

25/05/2022 15h35

Classificação e Jogos

O goleiro Hugo Souza, aposta do técnico Paulo Sousa na posição de titular do Flamengo, voltou a falhar na vitória do Rubro-negro por 2 a 1 contra o Sporting Cristal, ontem, no Maracanã, pela última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores.

Blindado pela comissão técnica do clube, o jovem de 23 anos ouviu muitas vaias da torcida já que não é a primeira vez que ele falha pela equipe.

Na última rodada do Campeonato Brasileiro, por exemplo, no empate em 2 a 2 contra o Ceará, ele foi apontado como principal responsável pelo empate do Vozão nos minutos finais da partida.

Já na Copa do Brasil de 2020, Hugo ficou marcado por tentar um drible no atacante Brenner, ser desarmado e dar a vitória para o São Paulo no primeiro jogo das quartas de final — o Rubro-negro acabou sendo eliminado após perder a ida por 2 a 1 e a volta por 3 a 0.

Hoje, o Flamengo conta com três goleiros disputando posição: Santos, que foi um pedido do Paulo Sousa, e Diego Alves, ídolo da história recente do clube. Ambos se recuperam de lesão e deixam o caminho livre para Hugo ter mais chances como titular, mas a torcida segue desconfiada.

O UOL Esporte conversou com ex-goleiros que passaram pelo Flamengo, e fez a seguinte pergunta: 'Confiança ou técnica: O que tem atrapalhado Hugo no Flamengo?'. Veja o que eles responderam:

O que está acontecendo é que foi criada uma expectativa maior que a realidade do momento que ele começou a jogar. Depois, por um erro de saída de bola, ele ficou marcado. E tem uma pressão muito grande atualmente, até porque os goleiros na reserva são de grande qualidade. Um goleiro se forja nessa situação. Goleiro vai saber se ele é bom ou não se ele supera essa fase difícil, de desconfiança. Qualidade técnica ele já mostrou que tem. Ele é um goleiro de um estilo muito interessante, rápido apesar de ser muito grande e com muitas qualidades que vão ser aperfeiçoadas nos jogos. Vão acontecer outros erros e o sucesso dele vai depender de como ele vai reagir com esses erros. Se ele vai penitenciar e se afundar ou vai crescer como aprendizado. Acho que a única forma de aprender essas formas é jogando. Ele vai conseguir conquistar a confiança da torcida no momento certo, tenho certeza. Por que qualidades ele tem, e muitas". Gilmar Rinaldi, goleiro que jogou pelo Flamengo entre 1990 e 1994.

Quando ele começou no jogo contra o Palmeiras [em setembro de 2020], ele foi um dos destaques. Depois daquele jogo ele teve destaque no gol do Flamengo, só que os erros que ele vem cometendo estão abalando ele e levando ele para a insegurança. Ele está errando as bolas fáceis e isso está complicando a performance dele. Acho que os erros sucessivos dele estão levando a essa insegurança. É nítido que ele está inseguro e essas falhas constantes atrapalham o desempenho dele". Adriano Silva Francisco, goleiro do Flamengo na Copa São Paulo de Futebol Júnior de 1990. Jogou no clube entre 1992 e 1995.

Pode ser excesso de confiança e um pouco de desatenção no jogo. Nem sempre o gesto da defesa é como queremos e temos que improvisar. Como ele é cria da casa não deve se abalar com a pressão da torcida. Torço para passar por esse momento, pois tem condições de fazer história no clube". Antônio Luiz Cantarele, goleiro do Flamengo entre 1973-1983 e 1984-1990.

Futebol